Sergipe

31/07/2020 às 09h15

Três cobras-do-milho são entregues de forma voluntária após Operação da Polícia Federal

Redação Portal A8

Três serpentes corn snake (Pantherophis guttatus) também chamadas de cobras-do-milho foram entregues voluntariamente à Administração Estadual do Meio Ambiente (Adema) nesta quinta-feira (30). Segundo informações do órgão ambiental, duas delas serpentes mediam um metro de comprimento e são o padrão selvagem da espécie, que é encontrado em vida livre nos EUA. A outra media aproximadamente 30 cm e é seleção em cativeiro. Segundo os tutores as cobras foram adquiridas de forma ilegal e após a repercussão do caso dos dois homens que foram presos em Aracaju pela Polícia Federal por comércio e cativeiro clandestino. 

Também foi entregue voluntariamente outra corn snake de seleção em cativeiro de um cidadão morador do bairro Rosa Elze, em São Cristóvão que entrou em contato pelo telefone da Adema e a equipe foi buscá-la.

Foto: Adema

As espécimes exóticas foram encaminhadas para o Dr. Jonh Gustavo até decidir uma destinação adequada e permanente para elas. 

Como fazer a devolução voluntária

Após a deflagração da Operação RATTUS, vários cidadãos mantiveram contato com a Polícia Federal em Sergipe, questionando qual seria o procedimento recomendado para quem possui animais silvestres ou exóticos em cativeiro.
A orientação é que aqueles que se encontram em tal situação devem fazer a entrega voluntária dos animais aos órgãos ambientais, para regular destinação, evitando a aplicação de sanções administrativas ou penais. Os interessados deverão manter contato prévio com o IBAMA (79)3046-1034, de segunda à quinta-feira ou com a Adema (79) 9 9191-5535, todos os dias da semana, para ajustar data e horário da entrega. Aqueles que efetuarem a entrega voluntária não estarão sujeitos a multas ou outras sanções.