Sergipe

08/06/2020 às 08h23

Sergipe registra 714 novos casos de Covid-19 no final de semana e sobe para 217 o número de mortes pela doença

SES/SE

O boletim epidemiológico do novo coronavírus divulgado pela Secretaria de Estado da Saúde (SES) no final de semana, somou 714 novos casos registrados e mais 19 mortes. Sergipe passa a ter 9.290 pessoas infectadas e 217 óbitos.

No sábado, foram 10 mortes. Entre as dez vítimas, quatro são de Aracaju: um homem de 38 anos, sem comorbidades; uma senhora de 61 anos, com hipertensão arterial sistêmica; outra idosa, de 69 anos, com diabetes mellitus, hipertensão e cardiopatia; e um bebê prematuro com 12 dias de vida. Em Nossa Senhora do Socorro, são três casos: uma idosa de 86 anos, sem comorbidades; uma mulher de 67 anos, diabética; um homem de 100 anos, sem comorbidades.

Em São Cristóvão, faleceu um idoso, desta vez com 65 anos, sem comorbidades. Há ainda mais dois óbitos: um senhor de 57 anos, com hipertensão e hepatopatia, da cidade de Itabaiana; e uma mulher, de 70 anos, moradora de Indiaroba, com hipertensão.

No domingo, foram mais nove vítimas, quatro são de Aracaju: uma mulher de 56 anos; uma idosa de 69 anos, com hipertensão arterial sistêmica e diabetes mellitus; um homem de 41 anos, sem comorbidades; e mais uma senhora, de 73 anos, com cardiopatia e hipertensão. Em Nossa Senhora do Socorro, uma vítima: um idoso de 74 anos, hipertenso e diabético. A cidade de General Maynard teve a morte de uma mulher de 60 anos, que possuía hipertensão e diabetes. Uma moradora de Itaporanga, de 54 anos, faleceu por COVID-19 e não possuía comorbidades. Mais uma morte foi de um paciente de 76 anos, da cidade de Boquim, com hipertensão, diabetes, doença pulmonar obstrutiva crônica e doença renal crônica. Por último, houve também o óbito de uma mulher de 65 anos, que possuía diabetes, da cidade de Maruim.

São 4.485 pessoas curadas até o momento. Foram realizados 24.351 exames e 15.061 foram negativados. Estão internados 383 pacientes, sendo 151 em leitos de UTI (78 na rede pública e 73 na rede privada) e 232 em leitos clínicos (136 na rede pública e 96 na rede privada). São investigados mais 30 óbitos.

 


Fonte: SES/SE