Sergipe

09/10/2019 às 12h42

Exame de DNA confirma: padrasto é pai do filho da enteada de 10 anos

Redação Portal A8

O resultado do exame de DNA comprovou que o padrasto da criança de 10 anos é pai do bebê da menina após o estupro. O padrasto foi preso no dia 23 de abril suspeito de estuprar e engravidar a enteada de apenas 10 anos no município de Itaporanga D'ajuda, em Sergipe. O bebê nasceu saudável e já vai completar 4 meses, mora com a avó e a mãe. Agora, ele permanece preso e vai cumprir a pena, vai precisar registrar o filho e pagar pensão. O caso foi divulgado pela TV Atalaia, no programa Balanço Geral, desde então a TV acompanhou o crime.

O Conselho Tutelar da cidade encaminhou a denúncia à polícia no dia 11 de março de 2019. O delegado Paulo Cristiano cumpriu o mandado de prisão na casa do indivíduo e encaminhou o mesmo à delegacia. No momento da prisão, foi apreendido na casa do suspeito uma espingarda e várias munições de calibre 38. 

Na época, um inquérito policial foi aberto e todos os procedimentos foram iniciados imediatamente. A criança passou a ser acompanhada pela Maternidade Nossa Senhora de Lourdes, Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS), Conselho Tutelar e Ministério Público.

A vítima e sua genitora já foram ouvidas em depoimento, alguns suspeitos e demais familiares também prestaram esclarecimentos. Por orientação dos médicos que acompanham a menina, a coleta de DNA para realização do exame de paternidade ainda não foi realizada, em função da gestação de alto risco da vítima.