Sergipe

08/10/2019 às 11h01

Praias do litoral Norte e Sul estão impróprias para banho

Agência Sergipe de Notícias

As manchas de óleo que tomam conta do litoral nordestino tornam as praias impróprias para o banho. O alerta é dos órgãos ambientais que monitoram o ocorrido na costa de todos os estados do Nordeste, com o aparecimento da primeira mancha de óleo em uma praia de Pernambuco, no início do mês de setembro. Aqui em Sergipe, as primeiras manchas foram registradas no dia 24 do último mês.

O Governo do Estado vem trabalhando na solução do problema desde o aparecimento das primeiras manchas. Um gabinete de crise foi criado no último sábado e equipes da Administração Estadual do Meio Ambiente, Adema, vem percorrendo todo o litoral.

De acordo com o secretário da Secretaria Estadual de Desenvolvimento Urbano e Sustentabilidade, Sedurbs, Ubirajara Barreto, apesar das amostras de água coletadas apresentarem balneabilidade, as águas estão impróprias para banho. A recomendação é que a população evite locais atingidos pela substância oleosa. É prudente a não utilização das praias, bem como a não retirada, por conta própria, de nenhuma substância, mesmo com o intuito de ajudar e se alguém encontrar algum animal coberto de óleo, chame imediatamente algum órgão ambiental, que estão aptos para fazer esse recolhimento?, orienta.

O Governo do Estado de Sergipe criou uma cartilha com orientações simples caso alguma pessoa entre em contato com a substancia oleosa.

- Não toque na substância;

- Caso tenha entrado em contato, limpe com gelo e óleo de cozinha;

- Caso tenha reação alérgica ao toque ou caso tenha ingerido, procure imediatamente uma unidade básica de saúde mais próxima;

- Caso encontrar algum animal com óleo não pegue;

- Se quiser ajudar, proteja-o do sol e contate a polícia ambiental;

- Não devolva o animal contaminado à água.

E caso de intercorrências sobre o assunto, entrar em contato com os órgãos ambientais de Sergipe pelos telefones:

Adema: (79) 3198-7190

IBAMA: (79) 3046-1000

Pelotão da Polícia Ambiental: 190

SEMA: (79) 3225-4178

 




Fonte: Agência Sergipe de Notícias