Sergipe

25/06/2019 às 10h05

Policiais militares são atingidos por fogos de artifício durante abordagem policial, um saiu queimado

Redação Portal A8

Policiais militares do Grupamento Tático de Motos (Getam) foram hostilizados durante uma tradicional festa junina no município de São Cristóvão, região metropolitana de Aracaju (SE), no último domingo (23), véspera de São João. O vídeo compartilhado nas redes sociais mostra que os policiais chegaram e a 'guerra de buscapés' continuou. Segundo o Coronel Machado, responsável pelo setor de comunicação da Polícia Militar, a polícia foi acionada ao receber denúncia de perturbação do sossego e depredação de patrimônio. 

Um policial militar teve queimadura na perna, causada pelos fogos de artifício, os policiais passavam e continuaram sendo hostilizados por quem filmava a cena. A polícia civil vai investigar o caso, para responsabilizar os envolvidos.

Por meio de nota a Prefeitura de São Cristóvão comunicou que o caso envolvendo a polícia e os moradores do Centro Histórico (acontecido na rua do Rosário, Centro Histórico, e nas imediações da Praça Walter Correa), não possui respaldo municipal, visto se tratar de uma manifestação popular relacionada com a realização da guerra de buscapés. É preciso ressaltar que tanto a prefeitura quanto o prefeito Marcos Santana não têm envolvimento em qualquer atitude supostamente truculenta da polícia ou nas ações de desordem que supostamente a população tenha cometido. É necessário frisar também que os eventos apoiados pela prefeitura foram apenas os festejos das ruas tradicionais e o Arraial do São João da Tradição (que aconteceu na antiga Estação Ferroviária). A polícia é parceira da prefeitura em todos os eventos oficiais, sendo um mecanismo de proteção para todos os sancritovenses. É importante lembrar ainda que a prefeitura não tem autoridade sobre o Grupamento da Polícia muito menos nas atitudes dos moradores que participaram da queima do mastro ou da guerra de buscapés, cabendo aos meios legais a responsabilidade de investigarem e julgarem os danos que por ventura tenham acontecido. A cidade de São Cristóvão é berço de inúmeras manifestações populares, que ao longo dos anos passam por transformações. Enquanto gestão municipal estamos abertos ao diálogo para que a cultura genuína da nossa cidade seja repensada, adequada as novas gerações e que sempre tragam apenas ganhos sociais, culturais e econômicos.

 Confira o vídeo: