Sergipe

29/09/2011 às 15h46

Greve já atinge 70% das agências bancárias de Sergipe, segundo sindicato

Redação Portal A8

No segundo dia de greve dos bancários em Sergipe, a adesão passou de 60% para 70%. Um dos casos mais interessantes foi o fechamento da agência Itaú, da Avenida Hermes Fontes, que foi inaugurada na tarde do primeiro dia de greve, 27, e fechada por força da mobilização no dia seguinte, quando abriria suas portas ao público.

De acordo com o sindicato dos bancários, a exemplo do ano passado, os bancários da Caixa Econômica saíram na frente e fecharam todas as 26 unidades existentes no Estado, ou seja, 100%. No Banco do Brasil, foram fechadas 35 das 46 unidades do Banco do Brasil, o equivalente a 75%.

No segundo dia de greve em Sergipe, houve um crescimento bastante significativo na paralisação no Banco do Estado de Sergipe - Banese. Na capital, apenas a agência Atalaia funcionou normalmente. Foram fechadas 25 unidades. A adesão passou de 28% para 40%.

Até agora, o Banco do Nordeste fechou 11 das 15 unidades em funcionamento no Estado, ou seja, 73%. Para o sindicato, a resistência ocorre porque, estrategicamente, o banco ‘distribui` cargos comissionados com os funcionários para desmobilizar os funcionários.

Foram fechados 58% dos bancos privados: O Banco Santander fechou todas as 4 unidades. O HSBC e Mercantil também. Itaú Unibanco fechou 8 das 11 unidades. O Bradesco fechou a agência Central, Hiper Aracaju, General Valadão. Já os bancos Rural e BIC Banco, que possuem apenas uma agência cada, funcionaram normalmente.

Com informações da Assessoria do Sindicato dos Bancários