Política

03/10/2018 às 16h17

Nitinho afirma que presidência não tem interesse em coibir CPI da Saúde

Com informações da Câmara de Aracaju

Nesta quarta-feira (3), o presidente da Câmara de Aracaju, vereador Nitinho (PSD), disse durante discurso na Tribuna que a assessoria jurídica da Casa foi correta ao emitir parecer alertando o término do prazo para emissão do relatório de investigação e, dessa maneira, pondo fim na Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Saúde. “Quero deixar claro que a presidência não tem interesse nenhum em coibir a CPI”, afirmou. 

Na oportunidade, Nitinho comentou sobre as acusações feitas por membros da CPI da Saúde. “Não precisei denegrir a imagem de ninguém para chegar aqui e continuarei com a mesma índole. Alguns vereadores afirmam que eu estou querendo criar complô contra eles e reafirmo novamente que não preciso disso. O povo de Aracaju me conhece e sabe que eu jamais faria isso”, comentou. 

De acordo com a orientação da assessoria jurídica, a comissão possuía o prazo de 90 dias para apresentar o relatório conclusivo, contados a partir da publicação do Ato, que foi no dia 13 de março de 2018, podendo ser prorrogado por igual período uma única vez, por maioria dos membros. 

Nitinho alertou que a Casa fez apenas orientar os vereadores sobre a questão de prazos estabelecidos na instalação da CPI. “Nós temos aqui na assessoria jurídica um dos grandes advogados de Sergipe, com mestrado e doutorado e que apresentou uma recomendação aos vereadores com embasamento jurídico. A assessoria jurídica só fez orientar os membros avisando que acabou o prazo”, pontuou. 

Ainda na oportunidade, Nitinho lembrou que todos os vereadores têm que ter consciência sobre o papel que desempenham na Casa como parlamentares. “Aqui podemos ter incompatibilidade política, mas nunca devemos partir para a ofensa pessoal como alguns fizeram aqui. O meu dever é trabalhar com a verdade e a transparência e é isso que estou fazendo aqui”, concluiu.

 Confira a polêmica do tema no Balanço Geral Sergipe:


Fonte: Com informações da Câmara de Aracaju