Protesto

Trabalhadores da Fundação Hospitalar de Saúde vão realizar paralisação de 72h

Por Redação Portal A8SE 14/06/2021 16h44
Trabalhadores da Fundação Hospitalar de Saúde vão realizar paralisação de 72h
Assessoria de comunicação

Nesta terça-feira, 15, trabalhadores da Fundação Hospitalar de Saúde (FHS), representados pelo Sindicato dos Trabalhadores na Área da Saúde do Estado de Sergipe (Sintasa), irão realizar uma paralisação de 72 horas, e um ato das 7h às 9h, na frente do Hospital Regional José Franco, em Nossa Senhora do Socorro. Segundo a categoria, a iniciativa é em busca de melhores condições de trabalho, reajuste salarial, tíquete-alimentação, finalização do Acordo Coletivo do Trabalho e 30 horas semanais.

Esta já é a terceira paralisação em menos de um mês, só que antes de 24 horas, cujos atos realizados foram na frente da Assembleia Legislativa de Sergipe (Alese) e do Palácio do Governo.

Os profissionais cobram tíquete-alimentação para todos os trabalhadores representados pelo Sintasa de R$ 300,00, a partir de 1º de agosto; R$ 450,00, a partir de 1º de novembro; e R$ 600,00, a partir de 1º de janeiro de 2022. Sobre as 30 horas semanais, os empregados da FHS querem que, independente do Congresso Nacional e Senado, a partir de 1º de novembro, se inicie a implantação desta nova carga horária de trabalho com aprovação de projeto de lei na Assembleia Legislativa de Sergipe. No tocante à revisão do Plano de Emprego e Remuneração (PER) e PCCV, querem que a Secretaria de Estado da Saúde (SES) e FHS criem a comissão entre sindicato e gestão para fazer a revisão de imediato a fim de que seja implementada efetivamente no contracheque do trabalhador a partir de 1º de agosto.