Vacinação

Segunda etapa da Campanha de Vacinação Antirrábica vai acontecer na região central da cidade

A estimativa da SMS é de imunizar 39.750 animais

Por Ascom/ SMS 19/10/2020 19h05
Segunda etapa da Campanha de Vacinação Antirrábica vai acontecer na região central da cidade

A Prefeitura de Aracaju, por meio da Secretaria Municipal da Saúde (SMS) segue com o cronograma da Campanha de Vacinação Antirrábica de cães e gatos na capital. Nesta semana as equipes estarão em postos fixos espalhados na Zona Sul, no horário das 8h às 17h. E na segunda etapa da campanha, que inicia na segunda-feira, 26, a ação acontecerá na região central da cidade. Ao final do calendário, a estimativa da SMS é de imunizar 39.750 animais até o dia 6 de novembro.

A segunda etapa da campanha de vacinação antirrábica acontece entre 26 e 30 de outubro. No dia 26 a ação contempla os bairros: Inácio Barbosa (Praça do Conjunto Jardim Esperança); Jabotiana (Praça da Igreja Católica – Conjunto Sol Nascente; UBS Manoel de Souza Pereira; Praça Izelete Azevedo Andrade – Conjunto Santa Lúcia); Grageru (UBS Dona Sinhazinha); e o Conjunto Jardim Esperança (UBS Ministro Costa Cavalcante).

No dia 27 o trabalho continua nos bairros Luzia (Panificação Cruzeiro – Avenida Nestor Sampaio; Praça Des. Carlos Vieira Sobral – Conjunto Jessé Pinto Freire; Associação de Moradores – Médice II); Ponto Novo (UBS Max de Carvalho); Castelo Branco (UBS Fernando Sampaio); e Costa e Silva (Praça da garagem da Emsurb).

A ação será suspensa no dia 28, por conta do feriado pelo dia do servidor público, e retomada no dia 29, contemplando os bairros: América (UBS Joaldo Barbosa; Praça Francklin Roosevelt; UBS Adel Nunes; Praça Ronaldo C. Barreto – Conjunto Tiradentes); e Siqueira Campos (Praça Dom José Thomaz; UBS Edézio Vieira de Melo; Garagem do SAMU – Rua Sergipe).

Encerrando mais uma semana de campanha, na sexta-feira, 30, as equipes estarão nos bairros: Getúlio Vargas (IFS – Avenida Gentil Tavares; CEASA – Rua Riachão); Suíssa (UBS Amélia Leite); Cirurgia (Centro de Criatividade); Santo Antônio (Igreja Santo Antônio; UBS Cândida Alves); e Industrial (UBS Dona Jovem).

Podem ser imunizados animais com idade a partir de três meses de vida, e para fazer uso do serviço, o tutor deve apresentar o cartão de vacina do animal. Atualmente Aracaju está classificada pelo Estado como município com baixo risco para transmissão da doença. O último caso de raiva animal registrado na capital foi em 2017.

Importância da vacina

Uma vez instalada no organismo, a doença atinge principalmente o sistema nervoso, causando sintomas como alterações de comportamento, tendo a agressividade como uma das mais características. É transmitida através da mordida, lambedura e arranhadura de animais infectados com o vírus, que é eliminado pela saliva. Os animais com raiva vêm a óbito em até 10 dias a partir do início dos sinais clínicos.