Sergipe

E-mail interno do governo vaza e gera polêmica

30/09/2015 19h13
E-mail interno do governo vaza e gera polêmica
A8SE

O que deveria ser apenas um e-mail trocado entre secretários e o governador Marcelo Déda (PT) acabou sendo anexado, por engano a um projeto de lei, encaminhado hoje (4) a Assembleia Legislativa.

Os vários textos, de certa forma confidenciais, foram parar nas mãos do líder da oposição, deputado Venâncio Fonseca (PP)."É uma falha grave", disse Fonseca. Um dos e-mails, revela uma orientação do próprio governador, onde ele diz que "...se houver problema com o TJSE (Tribunal de Justiça de Sergipe), porque não propor uma ADIN (AÇão Direta de Inconstitucionalidade) contra o dispositivo para impedir que a turma do trigo volte".

Em outro e-mail, encaminhado pelo procurador-geral do Estado, Márcio Leite de Rezende, ao governador, revela que "a sugestão de alteração pela PGE (Procuradoria Geral do Estado) já está nas mãos de Júnior (secretário-chefe da Casa Civil, Oliveira Júnior) e de Manoel Dantas. Quanto ao TJ não há decisão final, de sorte que estamos trabalhando a respectiva relatoria (desembargadora Marilza Maynard). De qualquer sorte, com a revogação do referido dispositivo, por lei, a questão ecerra-se de vez".

Para Venâncio, foi um "lapso" da assessoria do governador Marcelo Deda, mas uma prática do chefe de executivo que ele censura. "A assessoria cometeu um erro. Qualquer ser humano comete erros, mas os e-mails têm particularidades que dizem respeito ao governador e a sua assessoria. A conversa do governador tem sido assim, através de e-mails, pois ele não recebe seus assessores", criticou o deputado.

 

 

Tags: