Finados

Cemitérios começam a ser preparados para o Dia de Finados

As missas que ocorriam ao longo do dia foram suspensas

Por Ascom/Emsurb 23/10/2020 15h46
Cemitérios começam a ser preparados para o Dia de Finados
Assessoria de comunicação

A Prefeitura de Aracaju, por meio da Empresa Municipal de Serviços Urbanos (Emsurb), está preparando os cemitérios públicos da capital para receber os visitantes no Dia de Finados, 2 de novembro. As ações estão voltadas para o São João Batista, no bairro Ponto Novo, o Helena Bandeira, na Atalaia, e o do ABC, no Jardins – que está inativo, mas recebe visitação.

Esta semana os trabalhos de limpeza e conservação foram intensificados na área interna e entorno do São João Batista, um dos maiores da cidade em número de sepultamentos. Nos próximos dias, a frente de serviços contemplará a varrição, capinagem, roçagem mecanizada, retirada de resíduos e poda. A mobilização ocorrerá também para limpeza da capela, situada no interior do cemitério, assim como nos meios-fios que receberão uma nova pintura. De acordo com a empresa municipal, a previsão de conclusão é de até 10 dias.

Nos outros dois espaços gerenciados pela Emsurb, o ABC e Helena Alves Bandeira, as intervenções começarão dois dias antes do feriado. Já nos demais cemitérios particulares, a preparação para o recebimento dos visitantes ocorrerá apenas em regiões ao entorno, enquanto o cemitério dos Náufragos, administrado pela Marinha, permanecerá com suporte da gestão municipal na execução de serviços de limpeza e manutenção.

Devido ao grande número de pessoas circulando nestes locais, a empresa municipal irá reforçar, ainda, os critérios de prevenção e higienização de modo a inibir a proliferação do novo coronavírus, segundo explicou o presidente da Emsurb, Luiz Roberto Dantas.

“Iremos disponibilizar uma estrutura com toldos, banheiros químicos, recipientes com álcool em gel e faremos o controle do fluxo de pessoas nos acessos às áreas internas dos cemitérios para que se mantenha o distanciamento social. Haverá também a orientação sobre a obrigatoriedade do uso de máscara”, disse.

Ainda no âmbito do enfrentamento à pandemia, as tradicionais missas que ocorriam ao longo do dia nesses locais foram suspensas, conforme informação da Arquidiocese.