Sergipe

20/08/2020 às 12h38

Fiscalização: setor de alimentação em Sergipe já funciona com 50% de capacidade

Agência Sergipe de Notícias

Foto: ASN

Com a reabertura, na quarta-feira(19), do setor de alimentação no estado (segunda fase da retomada econômica), funcionando com 50% de capacidade, a força-tarefa do Governo do Estado deu continuidade às orientações para o enfrentamento ao coronavírus no retorno das atividades na Orla de Atalaia. Composta por profissionais da Secretaria de Estado da Saúde (SES), por meio da Vigilância Sanitária, Polícia Militar, Corpo de Bombeiros, Procon Estadual e Vigilâncias Sanitárias Municipais, as atividades de fiscalização e orientação também ocorreu no período da manhã no mercado do conjunto Augusto Franco e na praça de alimentação do Shopping RioMar.

De acordo com o coordenador de Vigilância Sanitária, Ávio Britto, além da vistoria do estabelecimento, a equipe dialogou com os proprietários dos restaurantes  sobre o cumprimento do protocolo estabelecido, que tem como normas a  serem seguidas o distanciamento  de  1,5 a 2 m, a disponibilização de álcool  70%, controle da capacidade de pessoas em cada estabelecimento e o uso obrigatório das máscaras, quando não estiver consumindo.

“Hoje começou a liberação pelo Governo do Estado dos setores de alimentos (bares, restaurantes, sorveterias). A Vigilância  Sanitária e os demais órgãos é  uma equipe coesa que veio para conscientizar a população, os  donos de bares e restaurantes como é que deve ser feito, auxiliar a abertura. Estamos fiscalizando se estão seguindo o protocolo como,  por exemplo, a assepsia que está sendo feita após o cliente sair. Hoje  não estamos para trabalhar na estrutura de multas, não é isso que o governo quer, na verdade o desejo é auxiliar o cidadão, e os proprietários  para mostrar como se deve proceder. A partir do segundo e terceiro dia, em que eles já estarão a postos ao trabalho , toda irregularidade está passível a ser multada”, disse o coordenador.

Renata Miranda, cliente de um dos restaurantes fiscalizado destaca que o desejo da população é a retomada do setor  com segurança. “Eu estou sentindo que as pessoas estavam querendo a reabertura com segurança  para  poder se divertir um pouco após esse tempo todo sem o setor funcionar. Também acho muito importante a fiscalização do Estado para ninguém passar dos limites, e assim cumprir as regras estabelecidas”, salientou

Proprietário de um restaurante localizado na Orla de Atalaia, Antônio Rocha relata a expectativa para o retorno das atividades e garante que todas as normas estão sendo seguidas para  proporcionar segurança ao clientes."Acho fundamental essa orientação que está sendo dada, é importante que a padronização de protocolos atinja todos os setores nesse momento. Nós do segmento de bares e restaurantes temos essa preocupação da assepsia diferenciada  para não haver a contaminação”, finalizou.


Fonte: Agência Sergipe de Notícias