Sergipe

20/05/2020 às 16h24

Deso assegura que não há risco da Barragem do Rio Poxim romper

Redação Portal A8

Nesta quarta-feira (20), a Companhia de Saneamento de Sergipe (Deso) informou, por meio de nota, que “não há risco de rompimento da estrutura da Barragem do Poxim”.

De acordo com a Deso, a barragem passa por constantes vistorias de auditores independentes. “Que atestam sua integridade estrutural e que a mesma foi concebida para operar em períodos de chuvas e cheias,  como o atual, cumprindo com a sua principal função que é a acumulação de água,  mas também colaborando com o represamento de água de águas da chuva que poderiam agravar o quadro de alagamentos em pontos da região metropolitana de Aracaju”, aponta.

Ainda na nota, a Deso acrescenta que a Barragem do Poxim está com 99 % de sua capacidade e deverá verter, como vem ocorrendo nos últimos anos. “A água que sai quando a barragem verte não causa inundação. As inundações acontecem quando o volume de chuvas é elevado somado ao momento que a maré está alta”, expõe.

Por fim, a Deso frisa que o diálogo com órgãos e as entidades de Defesa Civil do Estado e Municípios é constante. “Temos desses órgãos o reconhecimento de que sem a Barragem do Poxim, as cheias que afligem parte da população às margens do Rio Poxim  seriam mais recorrentes e de maior gravidade”, concluiu a nota.