Sergipe

03/01/2020 às 11h24

Turista baiana é presa por injúria racial e agressão física contra garçom e gerente de restaurante em Aracaju

Redação Portal A8

Na madrugada desta sexta-feira (03), uma turista teria agredido e xingado um garçom e o gerente de um restaurante localizado na Passarela do Carangueijo em Aracaju (SE). Segundo o delegado Leógenes Corrêa, após se envolver numa discussão com o garçom, na qual este foi agredido fisicamente e xingado, a turista baiana também xingou o gerente de “sergipano de merda”.

A turista baiana foi encaminhada para Central de Flagrantes por vias de fato e injúria simples. Mas após o delegado ouvir todas as vítimas e testemunhas foi dada voz de prisão a ela na Delegacia Plantonista por injúria racial, um vez que ela também chamou o gerente de “sergipano de merda”.

Para o delegado Leógenes, injúria racial é um crime repugnante e toda forma de discriminação deve ser combatida com rigor, e a própria lei penal pune com a pena mais grave, que vai de 1 a 3 anos de prisão. Por isso que foi lavrado o auto de prisao em flagrante delito. Após pagar fiança ela foi retirada da cela e liberada para responder em liberdade.