Sergipe

13/11/2019 às 15h27

Prefeitura inicia segunda etapa das mudanças de circulação do Jabotiana na sexta, 15

Agência Aracaju de Notícias
A Prefeitura de Aracaju está investindo na mobilidade urbana do bairro Jabotiana, uma das regiões que mais crescem na capital sergipana, e a partir da próxima sexta-feira
Imagem: SMTT
(15) a Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (SMTT) iniciará a transferência dos semáforos do cruzamento da rua Nourival da Silva, lateral da Toyolex, para o cruzamento seguinte, na rua João Géniton da Costa. Os semáforos começarão a funcionar no novo local no domingo (17).
 
Durante o processo de transferência dos semáforos, os dois cruzamentos, o novo e o antigo, ficarão fechados por dois dias. Dessa forma, os condutores terão de acessar outras opções de retorno, como por exemplo a rua João Ouro e a avenida professor José Olino de Lima Neto, na lateral da Petrobrás.
 
As alterações na região têm a intenção de promover uma reorganização do tráfego de veículos no bairro Jabotiana e na avenida Tancredo Neves. “O Jabotiana e adjacências têm crescido nos últimos anos e há a necessidade de uma readequação viária para melhorar o tráfego na localidade. Com a mudança do semáforo, iremos facilitar o acesso ao Jabotiana e desafogar o trânsito na lateral da faculdade PIO X, por exemplo. São alterações que visam, exclusivamente, melhorar a mobilidade urbana e dar mais comodidade a população”, afirma o superintendente da SMTT, Renato Telles. 
 
Como fica o Trânsito
 
Com a transferência do cruzamento semafórico, haverá alterações no trânsito da região do Jabotiana. Os retornos da rua Nourival da Silva (Toyolex) serão fechados e outro será aberto na rua João Géniton da Costa. Assim, o condutor que segue pela avenida Tancredo Neves, sentido Rodoviária Nova/DIA, e deseja retornar, deverá acessar a rua Fátima Maria Chagas e em seguida as ruas Projetada e João Géniton da Costa, saindo no novo cruzamento semaforizado da Tancredo Neves.
 
Já o condutor que está na Tancredo Neves, sentido DIA/ Rodoviária Nova, e deseja retornar, poderá acessar as ruas Dom Pedro II e Dom Pedro I, fazendo um “balão” e saindo no novo cruzamento, que dará acesso ao outro sentido da avenida. Para os moradores do bairro Jabotiana, os acessos serão feitos pelas ruas Fátima Maria Chagas e Nourival da Silva (lateral da Toyolex), que passa a ter sentido duplo de circulação. 
 
Além do deslocamento do semáforo, as ruas Dom Pedro I e II passam a ter sentido único de circulação, a partir do domingo, 17. “Essas ruas terão apenas um sentido de circulação, no trecho entre a Tancredo e a Travessa Dom Pedro I, para evitar congestionamentos. A intenção é de que o trânsito flua com tranquilidade, principalmente nos horários de pico”, explica o coordenador de sinalização da SMTT, Diego Carvalho.
 
Diálogo com a comunidade
 
A direção da SMTT se reuniu diversas vezes com moradores da região para informar e debater com a comunidade as mudanças no trânsito. A última reunião, foi realizada no início desta semana, na sede da SMTT. 
 
O morador Igor Souza Oliveira acredita que as mudanças trarão melhorias para o trânsito do Jabotiana. “Essa é uma reivindicação antiga da comunidade e importante para o bairro. Acredito que teremos grandes benefícios. A mudança é fundamental para o acesso dos moradores e também para os estudantes da faculdade porque o trânsito do lado da Petrobras tem um fluxo muito grande. E a maneira como este processo está sendo conduzido, dialogando com a comunidade, é extremamente importante”, disse.
 
Já o presidente do Conselho Comunitário do Residencial Celuta Porto, Edmundo de Almeida, declara que essas mudanças são a realização de um sonho. “Uma das demandas que a gente tem ali no residencial é a questão do acesso. Hoje, é bem difícil por conta do grande fluxo de veículos da avenida Tancredo Neves. Estamos realizando um sonho com essa mudança e a gente espera que a alternativa trazida pela Prefeitura venha melhorar e atender as nossas expectativas. Aproveito, inclusive, para agradecer aos técnicos da SMTT, que estão sempre em contato com a gente e ouvindo as nossas sugestões”.

 


Fonte: Agência Aracaju de Notícias