Sergipe

16/10/2019 às 18h00

Justiça suspende ação que determinava prazo para União tomar providências referentes a proteção contra aparecimento de manchas de óleo

Redação Portal A8

A Justiça Federal de Sergipe suspendeu nesta quarta-feira (16), a ação que determinava o prazo de 48 horas para a União tomar providências referentes a proteção contra o aparecimento de manchas de óleo.

A determinação é baseada em uma ação do Ministério Público Federal de Sergipe, onde, a juíza, Telma Maria do Santos, definiu também que a suspensão se estenda até as 18h desta quinta-feira (17), exigindo assim, que os órgãos ligados ao meio ambiente comprovem eficácia e eficiência na instalação das boias de contenção.

Na ocasião, também ficou determinado que o Ibama aumente o número de agentes para cerca de 150, na extensão das 17 praias do litoral do Estado.

Uma videoconferência, com representantes de órgãos ambientais do estado e uma especialista sobre o assunto, também foi realizada. Entre os pontos destacados, a inoperância na implantação de um plano de contenção, onde acabou gerando um trabalho individual.