Sergipe

18/09/2019 às 14h42

Inmetro afere radares da Beira Mar e aprova funcionamento dos aparelhos

Agência Aracaju de Notícias

Os radares localizados na avenida Beira Mar, nas imediações da Embrapa Tabuleiros Costeiros, foram aferidos, na noite da última segunda (16) e terça-feira (17) e aprovados

Foto: Ascom/SMTT
pelo Instituto Tecnológico e de Pesquisas do Estado de Sergipe (ITPS), órgão delegado do Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro).

Prezando pela transparência, a Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (SMTT) de Aracaju solicitou ao Inmetro essas avaliações, apesar de os equipamentos estarem com as aferições em dias, já que haviam passado por avaliação do órgão nos meses de janeiro e maio deste ano.

O fiscal do Inmetro, José Adebaldo Nunes, garante que os equipamentos estão operando dentro da normalidade. “Fizemos a fiscalização do radar que fica no sentido sul da avenida na noite na segunda e ele foi aprovado. Na noite da terça, fizemos a aferição no equipamento do sentido norte e ele também está operando normalmente. Não há problemas nas contagens dos radares e estaremos emitindo novos laudos e os certificados das aferições, que garantem durante 12 meses o funcionamento dos aparelhos”, conta.

A Resolução N° 396 do Conselho Nacional de Trânsito (Contran) determina que as aferições dos equipamentos de fiscalização eletrônica devem ser feitas, obrigatoriamente, com periodicidade máxima de 12 meses e, eventualmente, conforme a legislação metrológica em vigência.

O superintendente da SMTT, Renato Telles, reforça a transparência no serviço dos radares, que são instalados, exclusivamente, para coibir o excesso de velocidade dos condutores e dar mais segurança ao trânsito. “As aferições dos radares estavam em dias, mas solicitamos uma nova avaliação do Inmetro para dar ainda mais transparência no serviço. Estávamos convictos da aprovação dos equipamentos, já que seguimos os prazos como determina a legislação. E continuaremos atuando com total transparência”, frisa.


Fonte: Agência Aracaju de Notícias