Sergipe

01/06/2018 às 08h20

Duas mulheres são presas por espancar homem até a morte

Redação Portal A8

Vídeo do espancamento chegou a circular nas redes sociais
O corpo de Cleudeves Bispo dos Santos, 26 anos chegou às 21h46 desta quinta-feira (31), vítima de espancamento no Instituto Médico Legal (IML). Ele teria sido morto pela ex-mulher durante luta corporal na mesma noite, após a mesma com a ajuda de uma prima dar golpes nele.

Segundo o boletim de ocorrência a polícia militar foi acionada por volta das 19h sobre uma briga em via pública, na Avenida Matadouro, Bairro Olaria, em Aracaju. Ao chegar no local, um corpo estava caído no chão, próximo à linha de trem e a uma escada de cimento, o homem aparentava estar desacordado.

Um vídeo que circula nas redes sociais mostra a ação de duas mulheres que espancam o indivíduo. No local, a polícia encontrou uma das suspeitas, que alegou ser ex-mulher do indivíduo que estava desacordado, e nas proximidades, supostamente já procurando fugir, estava uma segunda suspeita, que se identificou como prima da ex-mulher.

Segundo o relato da ex-mulher da vítima, o indivíduo seria seu ex-companheiro e confessou ter entrado em luta corporal com o mesmo e a prima a ajudou.

O SAMU foi acionado pela suspeita da agressão física que ao chegar no local constatou que o indivíduo já encontrava-se em óbito, não sendo necessário a remoção para unidade hospitalar. Em seguida o IML e uma equipe do Instituto de Criminalística foram acionados. As duas mulheres não informaram o motivo da agressão e após confessarem o espancamento foram encaminhadas à delegacia.

Segundo a SSP, as dias foram presas pelo crime de homicídio e serão encaminhadas para audiência de custódia, nesta sexta-feira (01).