Sergipe

15/05/2018 às 09h21

Regras para busca e entrega de crianças em creches municipais são reforçadas

Redação Portal A8

Após o desaparecimento de uma criança na Escola Municipal de Ensino Infantil Júlio Prado Vasconcelos, no bairro São Conrado, em Aracaju-SE, a Secretaria Municipal de Educação de Aracaju anunciou reforço nas regras estabelecidas pela Rede Municipal de Ensino Infantil desde o ano de 2014 em relação a entrega e busca de crianças em creches.
Entre as regras, a família deve manter atualizados o endereço e contatos com a unidade de ensino para comunicado entre a instituição e os respectivos responsáveis pelo estudante.
Segundo a coordenadora de Educação Infantil do Município, Núbia Líra, essas regras foram implementadas pela Rede em 2014 e vão ser mais rigorosas a partir de hoje. “A realidade de fato não é tão confortável como gostaríamos que fosse. Infelizmente, às vezes, por alguma dificuldade dos pais de virem buscar os seus filhos eles mandam outras pessoas, inclusive menores. Já tivemos casos de professores ficarem com crianças até às 22h30 e de levarem os pequenos para suas casas porque os seus pais não compareceram”, disse.

Apenas com pais ou responsáveis legais pode fazer a entrega ou busca da criança; quando não for possível o responsável legal comparecer existe uma carteirinha de identificação que autoriza que alguém da família possa pegar a criança. A partir de agora é necessário que a pessoa autorizada tenha no mínimo 18 anos de idade.

A mãe da criança de três anos foi à delegacia na manhã desta segunda-feira (14), para dar o seu depoimento. O caso está sendo investigado pela Delegacia de atendimento a Grupos Vulneráveis.