Sergipe

23/02/2018 às 12h00

Ex-secretária de governo de Aracaju presta depoimento sobre Operação Caça Fantasma

Redação Portal A8

Foto: Diego Barros
O depoimento da ex-secretária de Governo de Aracaju, Marlene Calumby aconteceu na manhã desta sexta-feira (23) no Ministério Público do Estado de Sergipe. A irmã do ex-prefeito João Alves Filho, que foi secretária de governo na gestão dele e denunciada por peculato, prestou depoimento por quase duas horas no ministério público estadual. Disse que não daria detalhes sobre o que falou à promotoria.

Segundo o advogado de defesa Aurélio Belém, em entrevista a TV Atalaia, a secretária de governo de Aracaju, Marlene Calumby apenas cumpria ordens superiores para nomear servidores.

Nesta oitava etapa da operação caça-fantasma foram denunciados cinco ex-servidores comissionados, além do ex-prefeito de Aracaju João Alves Filho e a irmã dele, Marlene Calumby. Segundo o Ministério Público Estadual, nesta denúncia, há indícios de prejuízo de mais de 667 mil reais pagos a funcionários fantasmas da prefeitura

Operação

A operação caça-fantasma apura a nomeação de servidores em comissão que recebiam salário sem trabalhar, na gestão de João Alves Filho, entre os anos de 2013 e 2016. Desde o início das investigações, 41 denúncias feitas pelo Ministério Público contra 26 pessoas foram acolhidas pela justiça. Sobre a nova etapa da operação, promotores do grupo de atuação especial contra o crime organizado não gravaram entrevista.