Sergipe

17/07/2017 às 09h53

Homem é preso suspeito de espancar e matar esposa portadora de síndrome

SSP/SE

SSP
Em Nossa Senhora da Glória, Douglas Aragão foi preso em cumprimento a mandado de prisão, suspeito de praticar feminicídio contra sua companheira, Kamila Rocha Melo, morta após ato de violência doméstica praticado na última sexta-feira, 14. A prisão do suspeito ocorreu 48h após o crime.

De acordo com o delegado Jorge Eduardo, a vítima morreu horas após ter dado entrada no Hospital Regional da cidade. "As investigações iniciaram depois de uma denúncia ter informado que Kamila foi vítima de espancamento. Coleta de vestígios possibilitaram a expedição do mandado de prisão em desfavor de Douglas. O corpo de Kamila foi encaminhado para ser periciado no IML, constatando os médicos que a jovem sofreu fraturas na costela, na lombar e nariz, além de diversas lesões internas e externas em decorrência do espancamento que sofre", detalhou.

A vítima era portadora da síndrome rara Buddi-Chiari que afeta a função hepática e essa condição, apesar de conhecida pelo companheiro, não o impediu de praticar violência contra Kamila. Pelo mesmo motivo familiares não suspeitaram do crime.

Ainda segundo o delegado, Douglas será indiciado pelo crime de feminicídio e ficará temporariamente preso por 30 dias, podendo esse período ser estendido pelo Poder Judiciário.

 


Fonte: SSP/SE