Sergipe

22/11/2016 às 11h24

Delegacia de roubos e furtos de veículos elucida mais um roubo a estabelecimento comercial em Aracaju

SSP/SE

A Delegacia de Roubo e Furtos (Derof) prendeu Cleones Luis Elesbão dos Santos Gomes, Alexsandro Vieira Lima e Victor Alves de Menezes Santos, todos por envolvimento no roubo a um estabelecimento comercial no bairro 13 de Julho, zona Sul de Aracaju. Nas prisões, quem receptou as mercadorias também foi preso.
Na última quinta-feira, 17, a equipe da Derof, coordenada pela delegada Juliana Alcoforado, iniciou as diligências no intuito de solucionar o crime, baseado nas imagens da câmera de segurança. "Nas imagens os policiais identificaram Cleones, vulgo 'Breu', já conhecido por nós, devido a uma investigação de um roubo cometido contra um estabelecimento comercial no Centro de Aracaju, no dia 25 de outubro, ao qual foi emitido mandado de prisão pelo Judiciário no dia anterior", relata.

Segundo a delegada, o passo seguinte da rápida elucidação foi a identificação do veículo utilizado na fuga, um automóvel modelo Fiat Bravo, tomado de assalto dois dias antes do crime. O veículo não só foi recuperado no loteamento Pau Ferro, bairro Santos Dumont, como foi devolvido ao proprietário que reconheceu os autores do roubo à loja, como os ladrões de seu veículo.

    
Nesta altura, foi identificado o mandante do crime, Alexsandro Vieira, a quem foi destinada maior parte dos produtos do roubo para repasse a receptadores. "Com ele, encontramos R$ 1.750,00 em espécie; uma pistola 380 com 30 munições; cinco munições e coldre para revólver calibre 38; placas de um carro roubado; uma carteira porta cédulas ainda com etiquetas, roubada da loja; um dos sacos de grande volume usados pelos autores, que aparece nas imagens; e dois dos bonés usados pelos assaltantes quando invadiram a loja", detalha Alcoforado.
    
Ainda no desencadear, foi identificado Victor Alves, preso em flagrante como receptador; e Gilson Lima, como um dos homens que invadiu a loja. As diligências continuam no intuito de identificar os demais integrantes do grupo. Para qualquer informação sobre os objetos roubados ou sobre os autores, a polícia solicita apoio pelo Disque Denúncia (181).


Fonte: SSP/SE