Sergipe

07/08/2015 às 17h21

Comércio de Aracaju espera crescimento de 1,5% para Dia dos Pais

Depois de pesquisar entre diversas lojas, a babá Lindelvânia Santos ainda tinha dúvida de que tipo de presente ia comprar.

Redação Portal A8

Foto: Portal A8SE

 

Apesar da crise, o Sindilojas (Sindicatos dos Lojistas) e a FCDL (Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas de Sergipe), esperam que as vendas no período do Dia dos Pais subam em torno de 1,5%, com relação ao mesmo período do ano passado. Para quem decidiu encarar o calçadão do Centro de Aracaju nesta sexta-feira (7) encontrou movimento intenso e precisou pesquisar para encontrar bons preços.

 

Depois de passar por diversas lojas, a babá Lindelvânia Santos ainda tinha dúvida de que tipo de presente ia comprar. “Estou entre comprar um perfume ou roupa, mas ainda não vou fazer mais buscas, pois estou achando o preço mais salgado”, lamentou. 

 

A cozinheira Izabel de Lima apesar de não está satisfeita com os valores que encontrou, acredita que vale a pena gastar um pouco mais para presentear o pai. “Estou achando os preços péssimos, mas nem que seja uma lembrancinha eu vou comprar, porque o meu pai merece essa homenagem”. 

 

Foto: Portal A8SE
 Já para a estudante Vanessa Oliveira, a data comemorativa tem um significado especial e por isso vale a pena enfrentar a crise. “Faço questão de todos os anos presentear não só o meu pai, mas o meu avô, e apesar da economia não está muito legal, achei os preços razoáveis e já consegui escolher os presentes”, contou satisfeita.

 

Tipos de presentes 

 

Um aspecto notado ao longo dos anos é quanto à mudança de estilo de presentes, além dos artigos comuns como vestuário e perfumaria, objetos tecnológicos têm caído no gosto da maioria e tem sido uma aposta para presentear e agradar os papais.

 

Presidente da CDL, Brenno Barreto, fala sobre a expectativa do comércio:

 

[[VID-39998]]