Sergipe

23/05/2013 às 08h54

Prefeito de Aracaju anuncia novidades para o Centro da cidade

Redação Portal A8

O prefeito João Alves Filho almoçou hoje, dia 22, com empresários e representantes da Câmara de Dirigentes Lojista (CDL). Na ocasião foram apresentados projetos em que serão realizados em cada área da administração municipal e melhorias que serão realizadas nos centros comerciais de Aracaju.

Uma das reclamações mais freqüentes dos comerciantes e clientes no centro de Aracaju é a ausência de estacionamentos. Atento as necessidades dos aracajuanos, João Alves anunciou hoje que o projeto de construção de um estacionamento municipal já está em fase de conclusão, dependendo apenas que algumas licenças, para que a licitação seja iniciada.

"Essa foi uma promessa de campanha e pretendo cumprir todas. O novo estacionamento será construído em balanço no rio Sergipe, ou seja, sem aterrar nenhuma parte do rio. O espaço estará compreendido entre o Mercado Municipal e o Cotinguiba. O novo espaço para estacionamento será também multiuso. Durante a semana, pelo dia, essa área será destinada para estacionar os carros. Nessa local também circulará um ônibus estilo Jardineira onde as pessoas que estacionaram o carro mais distante, poderão utilizar esse transporte gratuitamente. Está projetado também para que essa área a noite seja utilizada para práticas esportivas e nos finais de semana para a parte cultural, inclusive com comercialização de produtos", assegurou João Alves Filho.

Outro anúncio importante feito por João Alves foi a construção de um edifício garagem ao lado do Mercado Municipal. "Esse edifício será um espaço para abrigar também o camelódromo na parte térrea, para mais de 200 camelôs de forma organizada. Esse estacionamento, juntamente com o do rio Sergipe, resolverá o problema de estacionamento no Centro da nossa capital".

Uma das questões solicitada pela CDL foi a volta do parquímetro, já que muitas pessoas utilizam as poucas vagas destinadas a estacionamento rotatório e permanecem durante todo o dia. Como resolução dessa questão, João Alves anunciou a criação da Zona Azul, evitando que o estacionamento seja utilizado de forma rotativa por aquelas pessoas que vão as compras e não por aqueles que permanecem o dia inteiro ocupando uma vaga. "A licitação será realizada dentro de 30 dias. Não é justo que o cidadão permaneça o dia todo estacionado impedindo que os clientes possam fazer suas compras com tranquilidade. A zona azul será administrada pela SMTT".

Novidades

João Alves aproveitou a oportunidade e anunciou a construção de 667 abrigos para passageiros que esperam de transporte público. Nesse mesmo contexto, o prefeito garantiu ainda a reforma dos terminais de integração. "Quando assumimos a prefeitura havia uma licitação para o transporte público que foi embargado pela justiça. O cancelamento do processo licitatório foi feito de forma correta, já que o sistema de transporte deve funcionar de forma integrada envolvendo todos os municípios da Grande Aracaju. É isso que vamos fazer", garantiu o prefeito.

Outra questão abordada pelo prefeito no quesito mobilidade urbana foi a implantação de uma ciclovia na ponte da Coroa do Meio e a criação de um bicicletário no centro da cidade, possibilitando mais uma alternativa de transporte à população.

A novidade na área ficou por conta do anúncio de um projeto de transporte hídrico, através do sistema hidroviário. "Aracaju é cortada por rios. Por conta disso, tivemos a idéia de criar mais uma opção de transporte para a população. O transporte hidroviário será barato, prático e rápido, já que não haverá os congestionamentos", concluiu.

Sobre o BRT, João Alves disse que preferiu adotar esse sistema para Aracaju por ser o mais bem sucedido no mundo. "Será um transporte com todo o conforto que o cidadão precisa, inclusive com ar condicionado. Mas, o transporte não será caro. Vamos ratear o preço com os outros já existentes, o que proporcionará um preço adequado".

Fonte: PMA