Sergipe

23/04/2013 às 17h00

Doadores regulares de sangue contribuem com estoque do Hemose

Redação Portal A8

Genivaldo Oliveira dos Passos e Edinauro Elias Resende são doadores voluntários de sangue que contribuem com o serviço regularmente. Pelo menos, a cada três meses, eles comparecem ao Centro de Hemoterapia de Sergipe (Hemose) para doar e ajudar os usuários da rede hospitalar que precisam fazer transfusão sanguínea.

Nesta terça-feira, 23, o comerciário Genivaldo Oliveira, 52 anos, saiu cedo da residência no conjunto Marcos Freire I, em Nossa Senhora do Socorro para doar. Ele conta que decidiu doar após um acidente de carro que vitimou o pai, há mais de trinta anos. "Naquela época o serviço de saúde era diferente, por isso, depois que fiquei de maior resolvi me tornar um doador de sangue", explica.

A vontade de ajudar do doador de sangue, O negativo, é tão grande que ele convida familiares e amigos para aderir ao serviço de doação. "Meu filho mais velho Marcio Andre é doador e minha esposa, estou convencendo. Faz tão bem saber que através da minha doação estou ajudando outras pessoas", frisa Genivaldo.

Mais tímido, Edinauro Elias Resende, 25 anos, portador do sangue A negativo, relata que é doador há nove anos. "Decidi ajudar, não custa nada prestar esse gesto de humanidade com quem precisa. Independente da pessoa que vai receber meu sangue sei que estou contribuindo para amenizar um problema de saúde", comenta.

"A doação de sangue regular é de extrema importância para o serviço que atende a hemorrede estadual, composta pelos serviços de urgência, emergência e unidade de tratamento intensivo de hospitais e maternidades em Sergipe. Através de atitudes como esta, o Hemose pode manter o estoque regular e assim atender às demandas dos hospitais", salienta o superintendente do Hemose, Renato Dantas.

Dantas lembra ainda que para manter o atendimento da rede hospitalar com segurança, se faz necessária uma coleta diária de 100 a 120 bolsas. Sendo que nos períodos de chuva e feriados prolongados, o número de doações apresenta uma redução que pode variar entre 30% a 40 %.

Serviço

Para os cidadãos interessados em contribuir com o serviço, o Hemose está localizado na Avenida Tancredo Neves, vizinho ao Hospital de Urgência de Sergipe (Huse), em Aracaju. A unidade funciona de segunda a sexta-feira, das 7h30 às 17h e aos sábados e feriados das 8h às 12h. Mais informações poderão ser obtidas junto ao Serviço Social, através dos seguintes telefones: (79)3225-8000 e 3259-3174.

Fonte: Hemose