Sergipe

17/07/2012 às 17h11

Operação contra o tráfico de drogas termina com 18 presos em Umbaúba

Redação Portal A8

A Polícia Civil de Sergipe deflagrou nesta terça-feira, 17, uma operação na cidade de Umbaúba a fim de cumprir 11 mandados de prisão e nove mandados de busca e apreensão. A operação foi fruto de uma investigação de três meses iniciada pela equipe de investigação do secretário-adjunto da Segurança Pública, delegado João Batista, Divisão de Inteligência da Polícia Civil (Dipol), Grupamento Especial de Rondas e Blitz (Gerb), Coordenadoria de Polícia do Interior (Copci), Departamento de Narcóticos (Denarc), Delegacia de Umbaúba e demais delegacias do interior do Estado.

Segundo a polícia, o foco da operação ficou concentrada na prisão dos irmãos John Enne Ramos Lins e Amaraí Ramos Lins, que juntamente com outros membros da família, comandavam o tráfico de entorpecentes em Umbaúba. John Enne, líder da quadrilha, foi preso em flagrante nesta segunda-feira, dia 16, na BR-101, com cerca de 20 cápsulas de cocaína e R$ 456,00 em espécie quando retornava da cidade de Estância. Informações da polícia dão conta que o acusado costumava comprar drogas em Estância.

Junto com ele, a polícia também prendeu Stênio de Jesus Silva. Diante da prisão em flagrante do líder do bando, a polícia deflagrou o restante da operação que acabou prendendo 13 pessoas, sendo quatro mulheres. O detalhe é que dos 13 presos, oito fazem parte da mesma família. Além dos irmãos e seu comparsa Stênio, foram presos: Cícero Johny Ramos Lins, Márcio José Moreira do Nascimento, Railson Quintino dos Santos, Denisson Santana Mariano, Mário Caic Ramos da Silva, Everton de Azevedo Lima, Edineide Mendes dos Santos, Jenhy Ramos Lins, Janiele Maria da Conceição e Deise Cristina de Barros.

Também foram presos, porém, no decorrer dos três meses de investigações, Ismael Ferreira dos Santos, Kércio Pereira de Menezes Silva, José Ailton dos Reis, José Cláudio Oliveira dos Santos e José Valter de Souza. A operação também apreendeu 100 cápsulas de cocaína, 20 trouxas de maconha, 30 pedras de crack, mais de R$ 8.000 em dinheiro, além de um veículo Golf, três motocicletas, dois aparelhos de televisão e um aparelho de ar-condicionado.

"O resultado da operação foi mais que positivo. Esse é o desfecho natural, quando se tem o apoio da comunidade e uma sintonia entre a Polícia, o Poder Judiciário e o Ministério Público", afirmou o coordenador da equipe de investigações e operações do secretário-adjunto da SSP, Adriano Machado Bandeira.

"Essas prisões foram muito importantes e, certamente, irão conferir uma maior tranquilidade ao povo da cidade de Umbaúba", concluiu o delegado da cidade, Júlio Figueiredo de Aquino.

Fonte: SSP/SE