Sergipe

01/12/2011 às 10h05

Obras irregulares e poluição comprometem o fluxo do riacho Itacanema

Redação Portal A8
As construções crescem às margens do rio (Foto: Reprodução/ TV Atalaia)

A ocorrência de um crime ambiental foi registrada no riacho Itacanema, que nasce no conjunto Jardim, em Nossa Senhora do Socorro e deságua no rio Poxim. O fluxo do rio está sendo interrompido por obras irregulares e em alguns trechos não é possível perceber o rio devido ao aterro. As margens dos rios vários muros foram construídos e como se não bastassem as obras irregulares, a sujeira também está presente no local.

A poluição também é uma problema no local (Foto: Reprodução/ TV Atalaia)

De acordo com a Secretaria do Meio Ambiente do município de Socorro, a denúncia já está sendo apurada. "No dia 28 recebemos essa informação e já notificamos o proprietário de um ferro velho", declarou o secretário do meio ambiente Manoel Messias.

Ainda de acordo com o secretário, uma equipe técnica já esteve no local e está preparando um projeto para a região. "Estive lá com engenheiros e vamos fazer um estudo técnico da região para encontrar a melhor solução para o problema", afirmou Manoel Messias.

Em relação as construções a prefeitura vai analisar. "Vamos fazer um laudo identificando as obras que forem realmente irregulares, o documento será entregue ao Ministério Público Estadual para conseguir apoio na retirada dos invasores", explicou o secretário do meio ambiente.