Sergipe

24/11/2010 às 10h42

Enfermeiros de Arauá continuam em greve

Redação Portal A8

Os servidores profissionais enfermeiros da Prefeitura Municipal de Arauá continuam em greve por tempo indeterminado.

A greve, deflagrada em Assembléia Geral da categoria, iniciou-se em 12 de novembro de 2010, ante a ausência de resposta oficial da gestão municipal às reivindicações dos enfermeiros, conforme acordado em mesa de negociação.

"A Prefeitura de Arauá protelou várias vezes o envio da sua contra proposta,descumprindo os prazos pactuados, caracterizando, na visão dos profissionais, falta de interesse em avançar nas negociações e descaso com a categoria", afirma a Vice-Presidente do SEESE, DianaLuna.

Os profissionais pleiteiam Recomposição Salarial, considerando os últimos quatro anos em que esta não foi realizada, Melhores Condições de Trabalho e Gratificação para o Enfermeiro Responsável Técnico.

Diana Luna ainda afirma que, durante a greve, o SEESE tem demonstrado interesse em dialogar e resolver o impasse junto à gestão, mas esta não se manifesta, o que é um agravante, pois, reflete a falta de compromisso com a saúde da população e o não reconhecimento da importância do papel do enfermeiro na prestação de assistência à comunidade.Durante a greve, estão garantidos os atendimentos essenciais à população, nas Unidades de Saúde João Bosco Lima (SESP) e Povoado Sucupira, conforme previsto na legislação vigente.

Fonte:SEESE