Sergipe

30/09/2009 às 16h07

População denuncia descaso em canal de conjunto em Socorro

Moradores da rua do Posto de Saúde Celinha Franco , do conjunto Albano Franco denunciam descaso

Redação Portal A8

Moradores da rua onde está localizado o posto de Saúde Celinha Franco, do conjunto Albano Franco, em Nossa Senhora do Socorro, denunciam o descaso dos gestores públicos com a população local. Na via pública, são quase 800 metros de sujeira, mato, bichos peçonhentos e mau cheiro, transtornos provocados por um canal que passa na região.

Indignado com a situação da vizinhança, o internauta Faustino Estevez, reclama do perigo de acidentes e do risco de contrair doenças. "Esse canal é cortado por quatro pontes em péssimo estado, elas não tem sustentação e estão cheias de buracos," protesta o morador que alerta do perigo de crianças caírem no canal, já que alguns chegam a 60 centímetros de largura.

Ainda de acordo com o morador, na região já foram encontradas cobras e outros bichos peçonhentos que assustam a população. Além disso, existe o risco da dengue, pois como o local tem muito lixo acaba acumulando poças de água.

Segundo o Secretário de Comunicação de Nossa Senhora do Socorro, André Carvalho, foi feito um catálogo para definir os locais que devem passar por reformas do projeto ‘Lama zero`. "Esse canal foi catalogado e passará por limpeza, além de receber um projeto paisagístico," explicou. Questionado a respeito dos prazos, ele não soube estabelecer uma data para o início das obras.

 

 

A ponte não tem sustentação e oferece risco aos moradores (Foto: Internauta)