Sergipe

02/03/2009 às 09h59

Professores vão se reunir com o governador Marcelo Déda

Redação Portal A8

 

Comissão luta pela implantação do piso (Sérgio Ferreira)

Está marcada para a próxima quinta-feira (05) a audiência entre o governador do Estado, Marcelo Déda, e a comissão do Sindicato dos Trabalhadores em Educação de Sergipe (Síntese). O encontro é definido como a última tentativa de negociação para implantação do piso nacional do magistério. Caso não haja avanço na negociação, a categoria está disposta a paralisar as atividades por tempo indeterminado a partir de segunda-feira, 09 de março.

 

Amanhã (03), os professores voltam a se reunir às 15horas em assembléia geral no Instituto Histórico e Geográfico de Sergipe para discutir a pauta que será apresentada ao governador do Estado, Marcelo Déda.O encontro foi intermediado pela secretária de Inclusão Social, Ana Lúcia Menezes e o deputado Iran Barbosa.

"Os professores decidiram pela greve após o governo do Estado não ter cumprido a lei do piso, pois não pagou conforme a lei e ainda excluiu os professores com formação em nível superior", enfatiza o diretor da entidade sindical, Roberto Silva Santos.

Os educadores da rede estadual com formação em nível médio ao invés de terem o salário base atualizado com a integralização dos 2/3 do valor da diferença entre o piso de R$950 e o salário base (eu hoje é R$425), somente tiveram um abono. "Todos saíram perdendo com essa manobra do governo", disse o presidente do Sintese, Joel Almeida.