Sergipe

13/02/2009 às 17h53

Presidente é notificado sobre cassação de vereador

O presidente da Câmara de Vereadores de São Cristóvão, Paulo de Santana (PSL) foi notificado hoje (13) da decisão da juíza Adelaide Maria Martins Moura, que cassou o mandato do vereador Carlos Umbaubá.

Redação Portal A8

O chefe do cartório eleitoral de São Cristóvão, Evileto da Silva Santos, oficiou no início da tarde de hoje (13), o presidente da Câmara do Município, Paulo Roberto de Santana (PSL) a decisão da juíza Adelaide Martins, da 21ª Zona Eleitoral,    que considerou procedente o pedido de cassação do mandato do vereador Carlos Augusto Silva Rosa, o Carlos Umbaubá (PR).

No ofício, a magistrada também determinou que o presidente adotasse as medidas cabíveis no sentido de decretar a vacância do cargo e empossar o primeiro suplente da coligação, Jorge Lisboa (PDT). Além de perder o mandato, para o qual foi reeleito em outubro passado, Carlos Umbaubá, que é acusado de compra de votos, ainda foi multado em R$ 25 mil.

Ele é acusado de prometer empregos e outros benefícios a pessoas de São Cristóvão em troca de voto. De acordo com a denúncia formulada pelo Ministério Público Eleitoral há provas de que o parlamentar teria pago cerca de R$ 30 para um grupo de supostos eleitores, além de oferecer um emprego a outras moradores do município.