Política

15/05/2019 às 18h42

Governo discute tratativas finais para liberação das obras da adutora do Piauitinga

Agência Sergipe de Notícias

Uma das pautas tratadas em Brasília, entre o governador Belivaldo Chagas e o presidente da República, foi a autorização de início da obra da duplicação da adutora do

Foto: Divulgação
Piauitinga. E dando continuidade às reuniões sobre o assunto, na manhã desta quarta-feira (15), o secretário-geral de Governo, José Carlos Felizola esteve no Palácio do Planalto, para reunião com o ministro-chefe da Casa Civil, Ônix Lorenzoni. Também participaram o deputado federal, Fábio Reis, o ex-deputado federal, Sérgio Reis, e o chefe da Representação de Sergipe em Brasília, Dernival Neto.

Representando o governador, o secretário-geral de Governo, avaliou de forma positiva a reunião com o ministro-chefe. “O governo de Sergipe vem empenhado na conquista da liberação desta obra tão significativa para o abastecimento de água no estado, principalmente na Região Centro Sul. Sempre que viemos à Brasília somos muito bem recebidos e desta vez alinhamos as últimas tratativas para tornar essa obra concreta”, destacou Felizola.

Reforço no abastecimento de água

No final do mês de fevereiro, foi assinado o termo de convênio de cooperação entre o governo do Estado e a prefeitura de Lagarto, para o início das tratativas de autorização das obras de ampliação. No mês de março o governador discutiu o assunto junto ao Ministério do Desenvolvimento Regional. Belivaldo reconhece a importância do investimento e do fortalecimento no serviço de abastecimento de água no interior do estado.

“Os recursos já estão em caixa, e com isso a gente fortalece o sistema e melhora o abastecimento desses municípios. É uma obra grande, que deverá ter um prazo de duração de dois anos, mas que vai fazer com que, em um futuro próximo, a gente tenha o abastecimento, praticamente, resolvido, tendo, inclusive, a possibilidade de ampliar a adutora até o município de Tobias Barreto. E com isso, nós estaríamos resolvendo também o problema de Tobias Barreto, já que ele está sendo parcialmente resolvido, por meio de uma adutora que nós puxamos a partir de Itapicuru, na Bahia, por poços artesianos que foram perfurados. Estamos trabalhando com esse objetivo”, declarou à época.

Adutora do Piauitinga

A obra de ampliação da Adutora do Piauitinga, orçada em R$ 83,5 milhões, já possui os recursos garantidos por meio de contrato de repasse com a Caixa Econômica Federal e foi licitada há um ano, com autorização do Ministério das Cidades, que atualmente é o Ministério do Desenvolvimento Regional. Esta obra integra a segunda fase do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC).

Com esse projeto de ampliação da infraestrutura sanitária, milhares de habitantes terão garantidos o acesso ao abastecimento de água tratada. A obra contará com 46,6 km de adutoras, uma captação, uma Estação de Tratamento de Água (ETA), uma Estação Elevatória de Água Tratada (EEAT), um reservatório de distribuição com capacidade de 2.000 m³ e 14.436 ligações prediais. A obra é considerada de grande porte e terá um prazo de duração de 24 meses.

O Sistema Integrado do Piauitinga abastece as sedes municipais e diversas localidades rurais dos municípios de Lagarto, Salgado, Simão Dias, Poço Verde e Riachão do Dantas.


Fonte: Agência Sergipe de Notícias