Covid-19

Sergipe recebe cerca de 158 mil testes rápidos da covid-19

Os testes foram enviados pelo Ministério da Saúde

Por Redação do Portal A8SE 28/01/2022 15h55
Sergipe recebe cerca de 158 mil testes rápidos da covid-19

O Ministério da Saúde enviou nessa quinta-feira (27) cerca de 158 mil testes rápidos de covid-19 para o estado Sergipe, após solicitação feita pelo Consórcio Conectar.

A quantidade de testes foi dividia proporcionalmente entre as secretarias de saúde dos municípios do estado e aproximadamente 21 mil testes foram destinados a Aracaju.

De acordo com a secretária da Saúde de Aracaju, Waneska Barboza, os testes recebidos vão acelerar o atendimento às pessoas com suspeitas de covid-19 nas unidades de saúde do município.

“Temos registrado um crescimento muito grande no número de pessoas adoecidas nas últimas duas semanas, principalmente de casos de covid-19, por isso existe a necessidade de termos um teste de antígeno, que é o teste rápido. Ele dá um resultado em pelo menos 20 minutos e isso já faz com que a equipe de saúde tenha um diagnóstico para dar as orientações necessárias para os pacientes, a fim de quebrar a cadeia de transmissão do vírus", explica.

Segundo a secretária, os testes rápidos têm sido muito importantes principalmente nas urgências, em que alguns pacientes podem precisar de transferência para internação e essa movimentação só é feita mediante diagnóstico positivo para covid-19. Dessa forma, o teste rápido acaba sendo uma opção mais viável nesses e em outros casos; “Outro tipo de teste como o RT-PCR, em virtude do grande volume que o Lacen tem recebido, tem demorado para obter o resultado”, pontua.

É importante lembrar a importância da testagem e do diagnóstico dos pacientes, porque os testes fornecem as informações necessárias para a tomada de decisões e planejamento por parte das secretarias municipais de saúde em relação ao controle da covid-19.

Consórcio Conectar

O Consórcio Conectar é uma mobilização liderada pela Frente Nacional de Prefeitos (FNP) que atua em todo o Brasil. Em Sergipe, a FNP tem participação significativa no que diz respeito às medidas sanitárias durante a pandemia e a secretária Waneska Barboza salienta a importância desse trabalho.

“Essa é mais uma vitória da Frente Nacional, porque até então apenas alguns municípios tiveram o privilégio de conseguir comprar esse tipo de exame, como Aracaju que, em setembro, fez uma compra de 50 mil testes de antígeno que estão sendo utilizado nesse momento com maior intensidade em virtude do aumento significativo do número de casos, mas muitos municípios do Brasil não tiveram a mesma oportunidade. Agora eles vão ter a possibilidade de fazer o mapeamento em seus territórios, de planejar o isolamento dos infectados e com isso poderemos evitar uma enxurrada de pessoas adoecidas, principalmente nas capitais”, avalia Waneska.