Educação

Professor da UFS é finalista do Prêmio Jabuti com livro sobre protagonismo negro

Obra concorre nas categorias Ciências Humanas e Capa

Por informações da UFS 28/10/2020 23h16
Professor da UFS é finalista do Prêmio Jabuti com livro sobre protagonismo negro

O professor da Universidade Federal de Sergipe (UFS) Petrônio Domingues é finalista da primeira etapa da 62° edição do Prêmio Jabuti com o livro "Protagonismo negro em São Paulo: História e Historiografia", lançado em 2019 pela editora Sesc São Paulo. O livro é um dos dez finalistas e concorre nas categorias "ciências humanas" e "capas" .

A obra é resultado de mais de 10 anos de pesquisa sobre a população negra. O professor usa os estudos contemporâneos como forma de recontar a história além das visões estigmatizadas que associam o grupo, como a marginalidade e a criminalidade.

"Ter o meu livro selecionado como um dos finalistas ao Prêmio Jabuti em duas categorias é sem dúvida um reconhecimento ímpar do meu trabalho intelectual e de minhas pesquisas. Afinal, o Prêmio Jabuti é o mais importante do mundo das letras no Brasil", contou Petrônio.

O livro selecionado concorre ao lado de grandes nomes da literatura brasileira como a filósofa Djamila Ribeiro. No entanto, para o professor, a indicação é por si só um reconhecimento.

"Na área de Ciências Humanas, da qual faço parte como pesquisador, os indicados ao prêmio são alguns dos mais importantes nomes do pensamento social brasileiro. Fazer parte dessa lista é um grande reconhecimento e incentivo para eu continuar investindo em minha agenda de pesquisa. Eu, que já sou bolsista produtividade em pesquisa do CNPq, já estou ventilando novos projetos de pesquisas, projetos mais arrojados, inclusive abrangendo Sergipe. Além disso, a indicação de meu livro ao prêmio vai contribuir para a consolidação na historiografia brasileira, do campo do pós-abolição. E, no limite, vai contribuir para se pensar a história do Brasil a partir de novas agências, perspectivas, abordagens e narrativas" afirmou o professor.

{{value.image}}
Petrônio Domingues.jpeg

Além de professor permanente dos programas de Pós-Graduação em História (PROHIS) e de Sociologia (PPGS), Petrônio é coordenador do grupo de pesquisa Pós-Abolição no Mundo Atlântico da UFS. Concluiu o curso de história em 1997 na Universidade de São Paulo (USP), ingressou no mestrado no ano seguinte e concluiu o doutorado em 2005. Petrônio foi professor visitante da Universidade Estadual da Nova Jersey, nos Estados Unidos entre 2016 e 2017 e fez pós-doutorado na Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ).

Prêmio Jabuti

O Prêmio é um evento anual organizado pela Câmara Brasileira do Livro (CBL) com o propósito de premiar os melhores livros publicados no ano anterior em diferentes categorias. No próximo dia 05 será divulgada uma nova lista com cinco finalistas por categoria. Esse ano o evento acontece no dia 26 de novembro.

Em 2020, de acordo com a CBL, a premiação está organizada em quatro eixos: Literatura, Ensaios, Livro e Inovação. Cada eixo contempla diferentes áreas do conhecimento que estão separadas por categorias. A depender da categoria, os participantes concorrem a prêmio em dinheiro e uma estatueta.