Sergipe

Mutirão de combate ao Aedes aegypti chega no Salgado Filho neste sábado, 29

Por Secom - Prefeitura de Aracaju 28/08/2020 15h49 - Atualizado 29/09/2020 às 11h13
Mutirão de combate ao Aedes aegypti chega no Salgado Filho neste sábado, 29

Concluindo mais uma semana de ações contra o Aedes aegypti, a Prefeitura de Aracaju, por meio da Secretaria Municipal da Saúde (SMS), realizará neste sábado (29), um novo mutirão de combate ao mosquito. Desta vez, o bairro selecionado foi o Salgado Filho, onde até o momento, foram notificados três casos de dengue, cinco casos notificados de chikungunya e um confirmado. A ação conta com o trabalho da Empresa Municipal de Serviços Urbanos (Emsurb) e da Secretaria do Meio Ambiente (Sema).

Atualmente na capital já foram notificados 1.142 casos de dengue, 1.051 chikungunya, e 29 de zika. E de acordo com os dados da Vigilância Epidemiológica de Aracaju, os bairros com maior número de notificações são: Olaria, Bugio, Porto D’Antas, Cidade Nova, Santos Dumont, Industrial, Jardim Centenário, Santo Antônio, Santos Dumont, 18 do Forte, Luzia, Suissa, e Getúlio Vargas.

“Esse trabalho tem como objetivo ser um reforço do que já é feito nos bairros, ao longo da semana. Temos observado que em todos os bairros há notificações de casos, e para a ação dos mutirões, priorizamos os que possuem maior registro. Mais uma vez, alertamos a população da importância de cada um fazer sua parte no combate ao mosquito, verificando o quintal e toda área externa da casa, para detectar os locais que podem se tornar pequenos reservatórios”, declarou a surpervisora Edjeane Scarlet.

Visitas domiciliares

Mesmo com as limitações da pandemia, o trabalho dos agentes no combate ao mosquito não parou. Nos últimos meses, as visitas domiciliares aconteceram regularmente, mas sem acesso aos imóveis, para evitar o risco de propagação da covid-19.

Entretanto, com a estabilidade no número de casos e internações, os agentes estão retomando o acesso às residências, seguindo todas as medidas sanitárias previstas e com a devida autorização dos proprietários.

“E assim como vem acontecendo desde o início da pandemia, todos os agentes seguem recebendo os equipamentos de proteção individual, como máscara, protetor facial, luvas e álcool 70%, para garantir a proteção do servidor e da população”, explicou Edjeane.

Próxima semana

Além dos mutirões (que são realizados três sábados por mês) e das visitas domiciliares, durante a semana, os bairros com maiores índices de infestação também recebem a aplicação de UBV (Fumacê costal).

A aplicação é realizada por duplas de agentes, que atuam entre quatro e sete quarteirões, sempre no horário entre as 17h e 19h, período do dia em que ocorre uma maior movimentação vetorial do mosquito.

As áreas programadas para receber o fumacê costal na próxima semana são os bairros Palestina, 1º, segunda-feira; Ponto Novo, 2, terça-feira; e Siqueira Campos, 3, quarta-feira.

Tags: