Sergipe

Movimento Polícia Unida: profissionais lançam campanha reivindicando melhorias

A principal reivindicação da campanha é o adicional de periculosidade.

Por Redação Portal A8SE 26/04/2021 18h21
Movimento Polícia Unida: profissionais lançam campanha reivindicando melhorias

Nesta segunda-feira, 26, Policias Civis, Policiais Militares, Bombeiros Militares e outros setores dos profissionais da segurança pública lançam uma campanha em prol do adicional de periculosidade e outras reivindicações da categoria. O Movimento Polícia Unida ocorreu em frente ao Palácio dos Despachos.

O Movimento conta com nove entidades ligadas à segurança pública do estado de Sergipe, duas entidades liadas a Polícia Civil, Sinpol, Adepol, mais sete entidades representativas dos policias e bombeiros militares, Única, Amese, Assomise, Aspra, Asmirp, Assimusep e Associação de cabos e soldados.

Segundo Isac Cangussu, presidente da Adepol, para não aglomerar, foi organizado um drive-thru, em que os carros passam e são adesivados com a campanha. Assim, os colegas participantes e pessoas da sociedade civil foram orientadas a não descer do veículo. O objetivo é trazer mais gente e contar com número bastante relevante de pessoas.

O movimento ainda não recebeu nenhuma sinalização ou negociação pelo governo do Estado. Os participantes lutam desde o ano passado. O presidente da Adepol conta que, ano passado, foram recebidos por alguns dos secretários, mas essa negociação não avançou e, agora, desejam conversar diretamente com o governador Belivaldo Chagas. Os participantes estão com um ofício para protocolar solicitando uma audiência. A primeira demanda seria o adicional de periculosidade para depois partir para outras pautas.

O assunto foi veiculado no Balanço geral Manhã.