Sergipe

Governador recebe Abrape e debaterá atividades especiais na próxima fase da retomada econômica

Por Assessoria de comunicação 27/08/2020 13h27
Governador recebe Abrape e debaterá atividades especiais na próxima fase da retomada econômica

Na tarde da última quarta-feira, 26, a diretoria da Abrape Sergipe, representada por Fabiano Oliveira, Gustavo Paixão e Pedro Oliveira, teve audiência com o Governador do Estado, Belivaldo Chagas, no Palácio dos Despachos.Também participaram da reunião, Marcel Resende (Cogere), o Secretário de Turismo, Sales Neto e o Superintendente especial de Comunicação, Givaldo Ricardo. Ficou acordado que após o anúncio da fase verde, que acontecerá na próxima sexta- feira (28), o foco do Comitê Gestor da Retomada Econômica - Cogere - será justamente na análise das atividades especiais.

A partir da próxima segunda- feira (31) iniciam-se os estudos, conforme afirmou o Governador. Ele também convidou a diretoria da Abrape para participar da próxima reunião do Cogere, onde serão definidas quais as atividades especiais que poderão funcionar, bem como, as respectivas datas e as regras para o retorno gradativos dos eventos de acordo com as categorias.

“Um passo importante para a retomada gradual dos pequenos eventos. Temos consciência de que grandes eventos só poderão voltar quando tivermos uma vacina, porém entendemos que nesse primeiro momento, os eventos de pequeno porte em geral, com todas as medidas de segurança necessárias e com público limitado podem ir retornando aos poucos”, enfatizou Fabiano Oliveira, diretor presidente da Abrape Sergipe.

Na oportunidade, a Abrape também solicitou a Belivaldo que avaliasse a possibilidade de uma linha de crédito especial para o setor de eventos no Banese. O governador acenou que entrará em contato com a Secretária de Estado da Fazenda (Sefaz) e com a diretoria do banco para avaliar essa possibilidade.

“O setor foi um dos primeiros a parar e será um dos últimos a retornar de forma integral, com isso é importante que exista uma linha de crédito com boas taxas e de acesso rápido para que as empresas, produtores e fornecedores consigam amenizar os prejuízos causados pela pandemia com a interrupção dos eventos”, destacou Gustavo Paixão, diretor administrativo da Abrape Sergipe.  

Tags: