Sergipe

Eleição 2020: Aracaju tem 11 candidatos à prefeitura

17/09/2020 12h38 - Atualizado 13/10/2020 às 12h34
Eleição 2020: Aracaju tem 11 candidatos à prefeitura

As convenções partidárias em Aracaju encerraram nessa quarta- feira (16), conforme determina a legislação eleitoral. Com a confirmação dos nomes, fica dado o pontapé inicial para a corrida para o pleito deste ano. Em Aracaju, 11 pretendem disputar a vaga de prefeito da capital, confira:

Os partidos PC do B, PV, PP, MDB, PSD e PDT,  confirmaram o nome de Edvaldo Nogueira para reeleição e da delegada Katarina Feitoza para a vice-prefeitura. Edvaldo tem 59 anos, é natural de Pão de Açúcar, em Alagoas, e já ocupou os cargos de vereador, vice- prefeito e prefeito de Aracaju (2006 até 2012 e está no atual mandato). Katarina Feitoza é formada em Direito,  delegada concursada da Polícia Judiciária do Estado de Sergipe, desde 2001. Além de pós-graduada em Gestão Estratégica em Segurança Pública e em Ciências Criminais. Ao longo de sua trajetória, Katarina ocupou diversos cargos dentro da Secretaria de Segurança Pública, entre eles o de coordenadora de Polícia do Interior e Capital, corregedora da Polícia Civil e coordenadora Geral do Subsistema de Inteligência em Segurança Pública. Assumiu, pela primeira vez, a função de delegada-geral da Polícia Civil de Sergipe em 2010, mantendo-se até 2014. Também foi vice-presidente da Regional Nordeste do Conselho Nacional dos Chefes de Polícia. Reassumiu como delegada-geral em 2017, permanecendo na função até junho deste ano, quando se desincompatibilizou para participar das eleições.

O Partido Cidadania, com apoio do PSDB e PL, lançou, através de convenção on-line, a delegada Danielle Garcia e Valadares filho para a chapa majoritária. Daniele Garcia tem 43 anos, é formada em direito pela Universidade Federal de Sergipe (UFS) e é delegada de polícia .Ganhou destaque quando esteve à frente do Departamento de Crimes contra a Ordem Tributária e Administração Pública (Deotap), realizando várias operações contra possíveis esquemas de corrupção e desvios de recursos públicos, coordenou em Sergipe o Laboratório de Tecnologia no combate à lavagem de dinheiro, foi instrutora de cursos promovidos pela Secretaria Nacional de Segurança Pública, e ainda fez parte do departamento de recuperação de ativos e cooperação jurídica internacional, do Ministério da Justiça.Valadares Filho é ex-deputado federal e tentou a última eleição o comando do Governo de Sergipe

O Partido Avante confirmou Lúcio Flávio e Davi Calazans, como prefeito e vice- prefeito, respectivamente. Lúcio Flávio tem 41 anos, é natural de Cícero Dantas, na Bahia, vive em Aracaju há mais de 25 anos. É publicitário, empresário, e ex- presidente da Acese. Davi Calazans é aracajuano, missionário e cantor católico, atualmente atua como assessor no Ministério da Mulher, Família e Direitos Humanos, em Brasília.

O Partido Socialismo e Liberdade (PSOL) confirmou Alexis Pedrão e Carol Quintiliano. Alexis é baiano, mas reside em Aracaju há 33 anos, é casado e tem cinco filhos, é formado em direito pela Universidade Federal de Sergipe (UFS) e doutor em educação há mais de 10 anos. A sigla aposta numa composição conhecida como "puro sangue".

O Partido Democracia Cristã (DC) aposta no delegado Paulo Márcio e da missionária evangélica Simone Vieira. Paulo é natural de Itapicuru, na Bahia, e mora em Aracaju desde os 4 anos de idade, e atuou na Polícia Civil. 

O Partido Socialista dos Trabalhadores Unificados (PSTU), oficializou de forma remota, o nome de Gilvani Santos e Waltemir Augusto. Gilvani tem 54 anos, é formada em história pela Universidade do Estado da Bahia (UNEB), trabalha como petroleira. Em 2018, ela disputou eleição para o cargo de governadora.

O Partido Trabalhista Renovador Brasileiro (PRTB) selou o nome de Almeida Lima e de Luis Eduardo Prado. Almeida Lima tem 63 anos, é advogado e já ocupou os cargos de deputado estadual, vice-prefeito e prefeito de Aracaju, também já atuou no Senado de 2003 a 2011. A última vez que se elegeu foi em 2010 para o cargo de deputado federal, permanecendo até 2015. Ele ainda atuou como secretário estadual de saúde. Já Luiz Eduardo Prado, é médico ginecologista e atuou como superintendente do Hospital de Urgência de Sergipe (Huse). 

Os partidos PTB, PSL, Patriota e PMN oficializaram em convenção partidária a candidatura Rodrigo Valadares para prefeito e Vanilda Mafort, bispa da Igreja Sara Nossa Terra, como vice- prefeita.

Os partidos PT, PROS e Rede Sustentabilidade lançaram Márcio Macedo e Ana Lúcia. Ambos possuem história de militância política dentro da sigla petista. Marcio Macedo é biólogo, ex-deputado federal e vice-presidente do diretório nacional do PT. Ana Lúcia é professora e ex-deputada estadual na última legislatura - ela havia anunciado "aposentadoria" de cargos eletivos, mas, neste pleito, aceitou o desafio dos filiados petistas para disputar a eleição.

O Democratas (DEM) confirma o nome da delegada Georlize Teles para prefeita e como vice o coronel Péricles Meneses. Georlize é formada em direito e já ocupou os cargos de secretária de Estado da Segurança Pública,  secretária da Cidadania e Defesa social da capital e, recentemente, ocupava o comando da Secretaria de Defesa Social, em Estância.

Tags: