Pesquisa

Covid-19: pesquisa do IBGE mostra que pessoas estão flexibilizando isolamento social

O número de pessoas que afirmaram ter ficado rigorosamente isoladas apresentou queda saindo de 576 mil em agosto para 444 mil em setembro

Por IBGE 23/10/2020 14h08
Covid-19: pesquisa do IBGE mostra que pessoas  estão flexibilizando isolamento social
Sérgio Silva

Nesta sexta-feira (23), o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, IBGE, divulgou uma pesquisa sobre dados relacionados ao cenário da pandemia em Sergipe. Entre os números apresentados, há a análise sobre a taxa de isolamento social. O comparativo entre os meses de agosto e setembro, mostra que as pessoas estão ficando cada vez menos isoladas.

Na pesquisa, o IBGE investigou se as pessoas fizeram alguma restrição por conta da pandemia. Os resultados mostram que 64 mil pessoas em Sergipe afirmaram não ter feito nenhuma restrição. Apesar disso, entre os meses de agosto e setembro, cresceu de 690 mil para 738 mil, o número de pessoas que afirmaram ter reduzido o contato, mas que continuaram saindo de casa e/ou recebendo visitas.

As pessoas que afirmaram ter ficado em casa e que só saíram por necessidade básica apresentou leve aumento de 1.013 milhão para 1.069 milhão de pessoas. O número de pessoas que afirmaram ter ficado rigorosamente isoladas apresentou queda saindo de 576 mil, em agosto para 444 mil em setembro. Das pessoas que não fizeram restrição (64 mil), 22 mil delas têm entre 14 a 29 anos. Na análise, constatou-se que, praticamente o total de pessoas que não fizeram restrições durante a pandemia (20 mil) apresentam um rendimento per capita menor que ½ salário-mínimo.