Sergipe

Corpo de Bombeiros registra mais de 500 queimadas em Sergipe

Em todo o Estado, o número de queimadas registradas chega a 500/mês. O mais preocupante é que 70% desses casos ocorrem principalmente na BR 101.

30/09/2015 19h03
Corpo de Bombeiros registra mais de 500 queimadas em Sergipe
A8SE

 

Verão: aumenta número de queimadas

Os casos de incêndios, gerados de queimadas ilegais no Estado aumentam assustadoramente no período de alta estação, que vai dezembro a fevereiro. Segundo dados do Corpo de Bombeiros, a corporação chega a receber diariamente cerca de seis chamadas. Por mês é registrada, uma média, de 150 ocorrências apenas em Aracaju.

 

Em todo o Estado, o número de queimadas registradas chega a 500/mês. O mais preocupante é que 70% desses casos ocorrem principalmente na BR 101 e são causados por pontas de cigarro acesas jogadas aleatoriamente por motoristas.

"Como o mato está seco, o incêndio acaba sendo inevitável. Há também as queimadas feitas ás margens das estradas por pequenos agricultores. O sol e o vento fortes terminam por alastrar o fogo, a exemplo do que ocorreu a 15 dias no município de Simão Dias, quando propriedades foram atingidas pelo fogo, causado por uma queimada", alerta o assessor de comunicação do Corpo de Bombeiros, Coronel Nilson.

A fumaça que invade as rodovias é mais um perigo causado pelas queimadas. "Muitos acidentes acabam acontecendo porque o motorista perde a visibilidade da pista", reforça Coronel Nilson.

Além desses casos, os incêndios também são provocados por vidros quebrados que com o atrito dos raios solares causam incêndios. Outro caso que provoca queimada é a combustão espontânea que ocorre em período de alta estação, quando a vegetação fica seca, e junto ao calor acabam originando focos de incêndio.

Tags: