Atualização do caso

Vítima alvejada por ex-chefe presta depoimento durante audiência em Aracaju

Monteiro confessou ter atirado contra Ana e revelou que se relacionou com a vítima durante um ano

Por redação Portal A8SE 10/08/2022 19h15
Vítima alvejada por ex-chefe presta depoimento durante audiência em Aracaju
foto: reprodução redes sociais

Nesta quarta-feira (10), uma nova audiência foi realizada sobre o caso da mulher que ficou gravemente ferida após ser alvejada pelo ex-patrão no Conjunto Parque dos Faróis, em Nossa Senhora do Socorro, em janeiro deste ano.

Durante a audiência de instrução foram ouvidas a vítima e a família dela. Inicialmente, havia negação de relacionamento entre a vítima e o investigado, mas Ana Angélica Moura Santos, de 33 anos, confessou ter namorado com o ex-chefe.

O caso

Ana Angélica trabalhava com entrega de mercadorias em uma empresa. No dia do crime, o suspeito, que é ex-patrão dela, identificado como José Monteiro, de 48 anos, estava armado quando chegou de carro, invadiu a residência, efetuou cerca de dez disparos e, em seguida, fugiu do local. Três tiros atingiram o rosto da vítima, que foi socorrida. Além dela, a mãe, a irmã e o cunhado estavam na casa.

Motivação e prisão

Logo após o crime, a mãe de Ana Angélica afirmou que José tentou atirar contra ela, mas a arma falhou. Na época, a suspeita é que o crime teria sido motivado porque José, que era casado, teria uma relação extraconjugal com a funcionária, mas a família negou.

O mandado de prisão saiu no dia seguinte ao crime e no dia 10, ele se apresentou à polícia acompanhado da advogada, ele permanece preso desde então. Monteiro confessou ter atirado contra Ana, mas negou ter apontado a arma para as outras pessoas. Ele revelou que se relacionou com a vítima durante um ano, ao mesmo tempo que tinha terminado o casamento.