Desfecho

PM acusado de matar colega de farda em Aracaju é condenado a 13 anos de prisão

Por Redação Portal A8SE 11/06/2021 17h19
PM acusado de matar colega de farda em Aracaju é condenado a 13 anos de prisão

O policial militar Bruno Campos Fernandes de Souza, acusado de matar um colega de farda, em Aracaju, foi condenado e vai cumprir 13 anos e 26 dias de reclusão. A vítima foi o soldado Alisson Farias de Souza, em agosto de 2010, na Orlinha da Coroa do Meio.

Durante o julgamento, quatro testemunhas foram ouvidas pelo Ministério Público e cinco da defesa. Entre as testemunhas, Wanderley Borges, que estava ao lado da vítima no momento do ocorrido, narrou os fatos e afirmou que Alisson não efetuo nenhum disparo, como era contestado pelos advogados de Bruno (afirmando legitima defesa).

O júri popular acatou a denúncia do MP e condenou o acusado.