Consciência Negra

Exposição coletiva 'Olhares Negros em Sergipe' é aberta pela Funcap

Segue aberta ao público até o dia 14 de dezembro, no Corredor Cultural Wellington Santos “Irmão” (sede da Fundação).

Por Agência Sergipe de Notícias 20/11/2020 11h28
Exposição coletiva 'Olhares Negros em Sergipe' é aberta pela Funcap

A Fundação de Cultura e Arte Aperipê (Funcap) iniciou nessa quinta-feira(19), as ações em homenagem ao Dia Nacional da Consciência Negra, celebrado em 20 de novembro. A solenidade oficializou a abertura da exposição coletiva ‘Olhares Negros em Sergipe’, que segue aberta ao público até o dia 14 de dezembro, no Corredor Cultural Wellington Santos “Irmão” (sede da Fundação). A ‘Cia Nelson Santos’ realizou uma perfomance artística na ocasião que contou também, com a presença dos artistas Allan D’Xangô e Everton Santos.

Para a presidente da Funcap, Conceição Vieira, é importante celebrar a cultura negra não apenas pela data, mas sempre que possível pela sua importância. “A história negra é uma história rica em cultura e resistência. Além disso, é salutar desenvolver ações como esta e ainda reunir artistas sergipanos que abordam em suas obras o tema”, afirmou.

A curadora da mostra, Jane Junqueira, explicou sobre a apresentação das peças na exposição. “As obras demonstram a força e resistência de uma luta que não foi em vão. Ou seja, a exposição fortalece as homenagens alusivas com o 20 de novembro, apresentando um espaço de direito dos negros e negras de todo o planeta”, frisou.

O artista e expositor, Allan D’ Xangô, comentou sobre a abertura da mostra e o local escolhido. “Ser reconhecido numa casa como essa que é a Fundação de Cultura reunindo nossas obras, nossas artes, fotografias, vestimentas, máscaras e pintura da comunidade negra é um grande reconhecimento. Vale frisar que “Irmão” foi um artista que viveu a negritude de forma intensa e sou um grande fã”, disse.

“Eu me sinto muito feliz em participar de um evento deste porte e quero parabenizar a Funcap, na figura de Conceição Vieira, pela iniciativa. É uma exposição essencial que engrandece as comemorações ao Dia da Consciência Negra e que faz relembrar a nossa memória. A cultura negra está bem representada aqui”, destaca Everton Santos irmão do artista Wellington Santos.

Programação

A programação especial também contou com um debate desenvolvido na Aperipê TV com a temática “Memórias da Cultura Afrobrasileira e a Capoeira em Sergipe” com a participação de João Mouzart de Oliveira Júnior, Mestre Robson e mediação de Marcos Paulo Carvalho Lima. Como encerramento das ações da Funcap baseada na data, nesta sexta-feira, 20, será realizada uma Roda de Conversa especial da Consciência Negra no “Aperipê Informa” na Aperipê FM 106.1, às 12h, e será exibido o show de Gilberto Gil, às 18h, na Aperipê TV (Canal 6.1).  

{{value.image}}
386585f361291283fd062082fff7531f.jpg