Brasil

Em corrida beneficente, maratonista participa de Desafio 24h

Maratonista Carlos Dias promove desafio de correr durante 24h com a intenção de levantar fundos para apoiar instituições que cuidam de crianças com câncer

30/09/2015 21h37
Em corrida beneficente, maratonista participa de Desafio 24h
None

O desafio é correr 24h.  A proposta é do maratonista Carlos Dias que ao completar 40 anos de idade e 20 de atleta, decidiu encarar essa nova prova, passando por todas as capitais brasileiras. Em Aracaju, o percurso acontece em toda a extensão da orla de atalaia. Só é permitida uma parada de dez minutos, a cada quatro horas, apenas para hidratação.

“O Carlos Dias já tem uma boa estrutura muscular, bem definida e bem adaptada para qualquer tipo de atividade. A gente só ajusta algumas coisas, alguma contusão ou algo do tipo que ele venha apresentar durante o percurso”, diz a fisioterapeuta, Amanda Andrade.


Incentivadores acompanharam a prova do ultramaratonista, eles se revezaram entre grupos, durante todo o percurso. A causa idealizada pelo atleta tem como intenção apoiar instituições que cuidam de crianças com câncer. E quem participa, adquire uma camisa para ajudar.

{{value.image}}
Carlos Dias promove desafio para ajudar crinças com câncer/ Foto: Reprodução TV Atalaia

“O esporte além de está integrando as pessoas e fortalecendo os laços de amizade, também pode salvar vidas. Não é só pela busca de títulos e medalhas, não é só por record. A melhor medalha desse desafio é as pessoas virem aqui acompanhar e comprar as camisetas e abraçarem essa causa e ajudar instituições que são referências em tratamentos ao câncer infantil”, vibra o maratonista Carlos Dias.

 

Quem acompanha o atleta sabe que a proposta é inusitada. E mesmo para quem não consegue fazer o percurso inteiro, só o fato de participar do evento, já vale como experiência.


“Além de ser uma oportunidade de treinamento é uma corrida diferente. A gente tá exercitando também a solidariedade, um destino interessante, aonde parte do recurso vai para uma instituição filantrópica”, afirma o funcionário público, Saulo Magalhães.

 

Carlos Dias foi o primeiro sul americano a cruzar os quatro desertos do planeta, o que o levou para o livro dos recordes, em 2008 e 2009.  Também já correu 5.130 quilômetros entre Nova Iorque e São Francisco, nos Estados Unidos, além de ter passado 325 dias por três mil cidades do mundo inteiro.

 

Tags: