Esportes

28/09/2009 às 20h12

Copa Nordeste de Handebol começa nesta terça-feira

O evento já faz parte do calendário e conta com o apoio da Secretaria de Esporte

Redação Portal A8

A Federação Sergipana de Handebol (FSH) realizará a partir desta terça-feira, 29 de setembro a 4 de outubro, a Copa Nordeste de Handebol Juvenil Masculino, competição que terá como cenário, o ginásio de esportes do SESI do Augusto Franco. O evento já faz parte do calendário esportivo sergipano e conta, mais uma vez, com o apoio da Secretaria de Estado do Esporte e do Lazer (SEEL).
Segundo o presidente da Federação Sergipana de Handebol, Tarciso Mendes, Sergipe receberá mais 160 atletas, com idades entre 15 e 18 anos de cinco estados nordestinos. Ao todo, oito equipes competirão pelo título. São elas: Clube Português (Pernambuco), BNB (Ceará), Corinthians Alagoano (Alagoas), CECEPA (Alagoas), COPM (Paraíba), Pentecostes (Ceará), GHC (Piauí) e a equipe Família Milgrau, representando o estado de Sergipe.
O Presidente da Federação Sergipana de Handebol, Tarcísio Mendes Correia reconhece que a competição será acirrada e Sergipe tem muito a fazer, até conseguir derrubar seus adversários. Tarcísio conta que existem dois grandes desafios para a equipe sergipana.
O primeiro deles está no fato de o GHC do Piauí e o Clube Português de Pernambuco já terem conquistado o 3º e 4º lugar, respectivamente, entre os melhores do Brasil, tornando-os concorrentes fortes. O segundo é o desfalque de quatro atletas que foram convocados de última hora, para jogar em São Paulo.
No entanto, o presidente da FSH garante que apesar do desafio, há grandes possibilidades de vencê-lo. Segundo ele, os treinos começaram em janeiro deste ano e já vieram frutos de recompensa à dedicação dos 16 atletas que compõem a delegação sergipana. O objetivo de Sergipe nesta Copa Nordeste é fazer o estado voltar às competições nacionais e ter uma boa classificação.
Entre os atletas que têm colaborado para as recentes vitórias está o goleiro Anderson Souza. De acordo com Tarcísio Mendes, o jovem é uma grande promessa para o handebol sergipano e promete fazer uma boa participação na Copa Nordeste, a exemplo da que fez no Campeonato Brasileiro realizado em Maceió no início deste ano. Anderson Souza será forte colaboração para o retorno de Sergipe ao cenário do handebol nacional.

 

A Federação Sergipana de Handebol (FSH) realizará de 29 de setembro a 4 de outubro a Copa Nordeste de Handebol Juvenil Masculino, competição que terá como sede o SESI do Augusto Franco. O evento já faz parte do calendário esportivo sergipano e conta, mais uma vez, com o apoio da Secretaria de Estado do Esporte e do Lazer (SEEL).
Sergipe receberá 160 atletas entre 15 e 18 anos de idade de cinco estados nordestinos. Ao todo, oito equipes competirão pelo título. São elas: Clube Português (Pernambuco), BNB (Ceará), Corinthians Alagoano (Alagoas), CECEPA (Alagoas), COPM (Paraíba), Pentecostes (Ceará), GHC (Piauí) e a equipe Família Milgrau representando o estado de Sergipe.
Segundo o Presidente da Federação Sergipana de Handebol, Tarcísio Mendes Correia, a competição será acirrada e Sergipe tem muito a fazer até conseguir derrubar seus adversários. Tarcísio Mendes conta que há dois grandes desafios para a equipe sergipana. O primeiro deles está no fato de o GHC do Piauí e o Clube Português de Pernambuco já terem conquistado o 3º e 4º lugar, respectivamente, entre os melhores do Brasil, tornando-os concorrentes fortes. O segundo é o desfalque de quatro atletas que foram convocados a jogar em São Paulo.
No entanto, o presidente da FSH garante que apesar do desafio, há grandes possibilidades de vencê-lo. Segundo ele, os treinos começaram em janeiro deste ano e já vieram frutos de recompensa à dedicação dos 16 atletas que compõem a delegação sergipana. O objetivo de Sergipe nesta Copa Nordeste é fazer o estado voltar às competições nacionais e ter uma boa classificação.
Entre os atletas que têm colaborado para as recentes vitórias está o goleiro Anderson Souza. De acordo com Tarcísio Mendes, o jovem é uma grande promessa para o handebol sergipano e promete fazer uma boa participação na Copa Nordeste, a exemplo da que fez no Campeonato Brasileiro realizado em Maceió no início deste ano. Anderson Souza será forte colaboração para o retorno de Sergipe ao cenário do handebol nacional.