Brasil

18/03/2009 às 10h10

PF investiga se Dantas doou R$ 30,4 milhões a partido

Dantas e o banco Opportunity não têm doações oficiais para campanhas eleitorais desde 2002

Redação Portal A8

A Operação Satiagraha apreendeu, no apartamento do banqueiro Daniel Dantas, no Rio, dois papéis descritos como "extratos" e intitulados "contribuições ao partido", num total de R$ 30,44 milhões.

Segundo a reportagem, o material é periciado pela Polícia Federal e deverá constar do relatório final do inquérito.

Dantas e o banco Opportunity não têm doações oficiais para campanhas eleitorais desde 2002, diretamente em seus nomes, embora um alto executivo do banco, Dório Ferman, tenha feito doações que somam R$ 14 mil aos deputados Marcelo Itagiba (PMDB-RJ) e Raul Jungmann (PPS-PE).

Os papéis integram o inquérito aberto pela PF para apurar supostas gestão fraudulenta e lavagem de dinheiro por Dantas e Opportunity. Em 2008, à época da segunda prisão de Dantas, foi revelada a apreensão, no apartamento, do documento "contribuições ao clube", no valor de R$ 36 milhões.

Fonte: Folha OnLine