Sergipe

30/08/2019 às 16h38

Equipe da Adema trata sagui desnutrido e delibitado antes de soltura

Redação Portal A8

Através de uma entrega voluntária, a Adema recebeu um sagui desnutrido e debilitado, apresentando febre, pequeno corte no membro posterior e inflamação com edema da coxa

esquerda, além de uma fratura de tíbia e fíbula. O tratamento foi feito e em breve o animal irá ser devolvido para o habitar natural.

De acordo com a Adema, o mamífero silvestre foi avaliado clinicamente pelo veterinário Daniel Allievi. Após o diagnóstico clínico, foi realizada uma bandagem, imobilização do membro afetado e terapia com antibióticos e antiflamatório.

No momento, o sagui encontra estável e a equipe espera a recuperação. “Consequentemente a consolidação da fratura, o que deve durar aproximadamente 30 dias”, apontou a Adema. Logo em seguida, será analisada as condições para soltura do animal.

Veja como o sagui vem sendo cuidado nesse vídeo que a Adema mandou para o portal A8SE: