Sergipe

15/02/2019 às 15h32

Polícia detalha prisão da mulher que agenciava encontros sexuais para adolescente de 13 anos

SSP/SE

Nesta sexta-feira (15), a Polícia Civil, por meio do delegado de Carmópolis, Wanderson Bastos, esclareceu durante entrevista coletiva detalhes da prisão de Franciele Karine dos Santos, conhecida como “Franci’’, de 21 anos, acusada de ser a mentora dos encontros sexuais entre uma adolescente de 13 anos e homens. 

A informação chegou até a polícia após os pais notarem o desaparecimento da jovem, que estava sem dar notícia durante cinco dias. Após aparecer, a moça disse à mãe que estava na casa de um homem e, nesse tempo, manteve relações sexuais com ele diariamente, informou o delegado Wanderson Bastos. 

Segundo levantamentos, o ato sexual acontecia várias vezes por dia. Diante disto, foi deflagrada uma investigação para descobrir o autor do crime, sendo descoberto que outros cinco homens mantiveram relação sexual com a adolescente, em situações diversas, totalizando seis pessoas. 

Na investigação, também foi comprovado que Franciele agenciava os encontros e alguns dos rapazes eram menores e outros maiores de 21 anos, inclusive o que a adolescente ficou durante os cinco dias tinha 23 anos, destacou o delegado. 

Em meio aos levantamentos, alguns suspeitos confessaram que mantiveram relações com a menor, mas outros negaram. Segundo o delegado, no início, Franciele também negou que participava, mas após sua prisão preventiva, ela confessou que viabilizava esses encontros sexuais.

De acordo com as informações passadas pelo delegado, a acusada não recebia nenhum presente ou dinheiro em troca desses encontros, ela agia apenas por pura perversão sexual. Além do crime, a mulher também influenciava a menor psicologicamente. O inquérito está finalizado e sobre os cuidados do poder judiciário de Carmópolis.


Fonte: SSP/SE