Sergipe

02/10/2018 às 11h03

George Magalhães continua preso após suspensão do julgamento do pedido de liberdade

Redação Portal A8

Na manhã desta terça-feira (02), aconteceu o julgamento do pedido de habeas corpus do radialista George Magalhães no Tribunal de Justiça de Sergipe. O advogado de defesa Evânio Moura informou que o julgamento foi suspenso após o pedido de vista feito pelo desembargador Edson Ulisses, que vai analisar as provas com mais cautela.

A desembargadora Ana Lúcia Anjos foi a relatora do processo e votou contra o pedido de liberdade, mas com o pedido de vista, o julgamento fica suspenso. Ainda segundo o advogado, a continuidade do julgamento ainda não tem data para acontecer.

O pedido de Habeas Corpus feito pela defesa do radialista George Magalhães já foi negado pela Justiça de Sergipe no último dia 16 de setembro.

Entenda o caso 

O radialista George Magalhães foi preso pela Polícia Civil de Sergipe no dia 13 de setembro, por meio do Departamento de Grupos Vulneráveis (DAGV), na residência do radialista, na região da Orla da Atalaia.

Um boletim de ocorrência foi feito contra o radialista em agosto deste ano, feito por uma mulher de 42 anos, que trabalhava no mesmo condomínio onde o radialista morava, a denúncia é de violência e suspeita de estupro. 

Durante coletiva de imprensa a delegada responsável explicou detalhes sobre a denúncia de estupro. Ele teria coagido uma das testemunhas e isso chamou a atenção dos investigadores. 

Geroge Magalhães continua preso no Cadeião de Estância.