Sergipe

24/09/2018 às 08h47

Cerca de 8 mil alunos das redes pública e privada participam dos XXXV Jogos da Primavera

Ascom SEED

Foto: Ascom SEED
Os XXXV Jogos da Primavera foram abertos no último sábado (22), evento que reuniu alunos atletas de escolas das redes pública e privada que participarão das competições. A solenidade foi realizada no Complexo Esportivo do Curso de Educação Física da Universidade Tiradentes, campus Farolândia, em Aracaju, e contou com a presença de alunos paratletas. Na data da abertura, 22 de setembro, se comemorou o Dia Nacional do Atleta Paralímpico.

Esta edição dos Jogos da Primavera tem um formato diferenciado, no qual foram colocadas duas categorias em uma etapa só. As competições são um processo seletivo para a etapa nacional dos Jogos Escolares da Juventude, organizados pelo Comitê Olímpico do Brasil, na cidade de Natal (RN).

A diretora do Departamento de Educação Física da Secretaria de Estado da Educação (DEF/SEED), Maria Auxiliadora Pires, representou o secretário de Estado da Educação, professor Josué Modesto, e destacou a importância dos Jogos da Primavera. “Essa é uma oportunidade de integração dos nossos jovens em uma atividade saudável, desenvolvida dentro da escola, um espaço adequado não só para o rendimento das modalidades que eles praticam, mas como também onde há um trabalho pedagógico. Todo esse desenvolvimento que as escolas públicas e privadas fazem culmina no maior evento esportivo do Estado, que são os Jogos da Primavera”, declarou.

O pró-reitor da Unit, Josenito Oliveira, deu as boas-vindas a todos os participantes. “Desejamos a todos que tenham bons jogos, que aproveitem esses dias, sabendo que o desporto e a prática da Educação Física é instrumento de transformação dos cidadãos”, disse.

Solenidade

Cerca de 8 mil alunos atletas de escolas estaduais, municipais e particulares participarão dessa 35ª edição dos Jogos da Primavera, que acontecem de 21 de setembro a 20 de outubro. Ao todo, 18 modalidades serão disputadas: atletismo, badminton, basquetebol, ciclismo, futsal, ginástica rítmica, karatê, natação, para-atletismo, paranatação, tênis de mesa, voleibol, vôlei de praia, xadrez, ginástica artística, handebol, judô e luta olímpica.

 A abertura contou com o hasteamento das bandeiras do Brasil, Sergipe, Mercosul e Aracaju, feitas respectivamente pela diretora do DEF, Auxiliadora Pires, do pró-reitor da Unit, Josenito Oliveira, pela representante da Federação Sergipana de Xadrez, professora Sílvia Menezes, e pela diretora da Diretoria de Educação de Aracaju, Eliane Passos.

 Em seguida foi realizado o Juramento dos Árbitros, feito pelo Árbitro da Federação de Badminton, João Matheus, que é ex-aluno da rede estadual de ensino. Ele representou Sergipe nos Jogos Escolares da Juventude e representou o Brasil no Campeonato Mundial de Badminton Escolar na China Taipei em 2014. 

A solenidade contou ainda com o Juramento do Atleta, feito pelo aluno Claudivan Gabriel dos Santos Olímpio, do Colégio Estadual José Sampaio. Ele foi campeão do Torneio Nacional de Ginástica Artística Masculina neste ano. “Esse é um momento muito gratificante, poder participar da grande abertura desse evento tão importante. Os jogos reúnem várias escolas em competições saudáveis e esse é um momento de integração e amizade entre todos”, disse Claudivan.

Atletas e paratletas percorreram a pista de atletismo conduzindo a tocha até a pira, que foi acendida pela aluna Bárbara Carolina dos Santos, estudante do Colégio Estadual Nelson Mandela, e 4ª melhor atleta do ranking nacional no Pentatlo, na modalidade Atletismo. “Estar aqui hoje significa muito para mim e é importante para todos os atletas. Carregar a tocha na abertura é um momento muito emocionante e gratificante. Já participei em outras edições, mas essa é a primeira vez que levo a tocha até a pira”, afirmou.

 

 

Competições

As competições tiveram início um dia antes da abertura, na sexta-feira, 21. No terraço do prédio da Biblioteca Jacinto Uchoa de Mendonça, na Universidade Tiradentes, quando aconteceu as competições de Xadrez. Já na quadra e na pista foram realizadas as provas de paratletismo.

O treinador de xadrez e judô do Centro de Excelência Vitória de Santa Maria, em Aracaju, e do Colégio Estadual Felisbello Freire, em Itaporanga d’ Ajuda, Neidson Mangueira, elogiou a organização dos Jogos Escolares da Primavera.

“Parabenizo ao Departamento de Educação Física (DEF), da Secretaria de Estado da Educação (Seed), pela realização do evento. No que se refere ao xadrez cada vez conquista mais adeptos, a modalidade ajuda desenvolver o raciocínio logico e a concentração”, afirmou o educador.

De acordo com professor de paratletismo, Antônio Ferreira de Melo Júnior, é muito importante fomentar o desporto escolar no Estado. “Os Jogos da Primavera, há mais de uma década, oportuniza vários jovens a participarem das competições. As provas são pré-requisito para as Paraolimpíadas Escolares, que neste ano acontece no período de 19 a 24 de novembro, em São Paulo”, declarou.

O estudante do Colégio Estadual Augusto Maynard, em Aracaju, Pablo Gabriel Vasconcelos, é cadeirante. Para ele, participar das competições é uma maneira de superar os obstáculos. “Pratico o paratletismo há aproximadamente um ano. O esporte é um meio que permite aumentar a autoestima, além disso faço muitas amizades”, disse.

Confiante, Eronides Santana dos Santos, estudante do Colégio Estadual Leite Neto, afirmou que os treinos foram importantes. “Nessa competição farei o meu melhor. Pretendo mais uma vez viajar para São Paulo para representar Sergipe nas Paraolimpíadas Escolares”, finalizou.

No sábado, 22, após a solenidade de abertura, as competições tiveram prosseguimento, com as modalidades Xadrez, Atletismo, Voleibol de Praia e Natação. Já nesta segunda-feira, 24, os atletas competem pelas modalidades Atletismo, Basquetebol e Xadrez.


Fonte: Ascom SEED